Dia a dia

Mais de 1,3 mil assaltos a ônibus foram registrados em Manaus no primeiro semestre do ano, diz Sinetram

Com a medida emergencial, a prefeitura poderá efetuar os pagamentos referentes ao percentual do Estado, em atraso desde o início do ano - foto: Semcom

Para o presidente Sinetram, a solução para a redução no número de crimes dentro dos ônibus, é o uso dos cartões ‘Passafácil’ – foto: Semcom

Nos primeiros seis meses deste ano, as dez empresas que operam o transporte coletivo de Manaus registraram 1.344 assaltos a ônibus, uma média de 7 por dia. O prejuízo às concessionárias já passa de R$ 379,8 mil. Conforme os registros, as regiões com maiores índices de crimes nos coletivos são as Zonas Norte e Leste da capital.


Para o presidente do Sindicato das Empresas de Transporte de Passageiros do Estado do Amazonas (Sinetram), Carmine Furletti, a solução para a redução no número de crimes dentro dos ônibus, é o uso dos cartões Passafácil para o pagamento da tarifa.

“O que atrai os criminosos para dentro dos ônibus é o fluxo de dinheiro que os cobradores possuem no caixa. A partir do momento que eliminarmos esse dinheiro e os usuários pagarem a tarifa apenas com o cartão Passafácil, vamos reduzir esse tipo de crime”, destaca.

O presidente destaca ainda que os órgãos de segurança pública precisam continuar se empenhando para combater esse tipo de crime e dar mais segurança aos usuários e colaboradores.

Com informações da assessoria

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir