Dia a dia

Mãe perde a guarda do filho de três anos após machucá-lo com água quente

Criança---queimada

A criança foi ferida pela mãe no dia 5 de maio- foto: Janailton Falcão

Uma criança de 3 anos  sofreu queimaduras de segundo e terceiro graus após sua mãe, identificada como Ítala Souza Santos, 24, colocar o pé de seu filho dentro de uma panela com água fervendo. O caso foi registrado na Delegacia Especializada em Proteção à Criança e ao Adolescente (DEPCA), após denúncia.

Na delegacia, a mãe alegou que estava cozinhando com o filho no braço, no momento que a água virou sobre o pé da criança, causando a queimadura.

De acordo com investigação da polícia, foi confirmado à agressão contra a criança, que foi internada no dia 5 de maio no Hospital e Pronto Socorro João Lúcio, Zona Leste. O menino teve que passar por procedimento cirúrgico -enxerto –  para reparar os danos causados pela água quente.

Conforme a delegada responsável pelo caso, Laura Câmara, a mãe confessou a agressão e disse que colocou o pé da criança na água fervendo por ser muito peralta.

Ainda conforme a polícia, a mãe é usuária de drogas e já esteve envolvida em outra agressão, com as mesmas características, contra outro filho, o de seis anos de idade.

A mãe foi autuada por maus-tratos e perdeu a guarda provisória do filho, que vai ser encaminhado para um abrigo.

Ainda segundo a delegada, existe a possibilidade da prisão preventiva da acusada ser decretada. “Há possibilidade de pedirmos a prisão preventiva da mãe e ela corre o risco de perder a guarda permanente da criança”, disse a delegada.

A mãe disse à equipe do Em Tempo Online que não quer que o filho vá para o abrigo, mas afirma que não tem condições de cuidar da criança. “Gostaria que o padrasto ficasse com o meu filho”, afirmou.

Por Henderson Martins (especial EM TEMPO Online)

 

 

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir