Dia a dia

Mãe é agredida e filho é executado com quatro tiros na Zona Norte

O caso foi registrado na Delegacia Especializada de Homicídios e Sequestros (DEHS) – Arthur Castro

O ajudante de pedreiro Fledson Maia Bandeira, 23, foi morto com quatro tiros no rosto, na madrugada deste domingo (14), por volta das 3h30, na rua 200, conjunto Cidadão 5, bairro Nova Cidade, Zona Norte de Manaus.

De acordo com a polícia, Fledson foi vítima de uma emboscada após sair para encontrar com um amigo. No local do encontro, ele foi surpreendido por dois homens encapuzados. A vítima foi arrastada pela camisa, para uma área de barranco, onde foi executada.

Segundo testemunhas, ao receber a notícia que Fledson havia sido levado pelos suspeitos, a mãe da vítima, que não teve o nome divulgado, foi até o local tentar impedir a morte do filho, mas acabou sendo agredida por coronhadas de arma e desmaiou. Ela foi socorrida pelos familiares e não precisou ser levada para o hospital.

Ainda segundo testemunhas, após assassinarem Fledson, os suspeitos roubaram uma casa na comunidade e fugiram levando os aparelhos celulares de outra família. Os criminosos ainda não foram identificados. PMs da 15ª Companhia Interativa Comunitária (Cicom), atenderam a ocorrência. Até a publicação desta matéria ninguém havia sido preso.

O corpo do ajudante de pedreiro foi encaminhado para o Instituto Médico Legal (IML). O caso está sendo investigado pela Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS).

Daniel Landazuri

EM TEMPO

 

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais lidas

Subir