Esportes

Liga Sul-Minas-Rio criará ‘STJD próprio’ e Fred será julgado por soco

Fred será julgado por essa comissão, após ser expulso por ter dado um soco no lateral direito Léo, do Atlético-PR - foto: divulgação

Fred será julgado por essa comissão, após ser expulso por ter dado um soco no lateral direito Léo, do Atlético-PR – foto: divulgação

A Copa Sul-Minas-Rio teve início na última quarta-feira (27), mas alguns pontos de organização da competição estão pendentes e serão resolvidos ao longo do campeonato. E muito disso se deve à falta de apoio de algumas federações estaduais e da CBF (Confederação Brasileira de Futebol). Prova disso é que a Primeira Liga anunciará nesta segunda-feira (1) a criação de uma comissão disciplinar que julgará atitudes de jogadores no torneio.

Isso representa que Fred será julgado por essa comissão, após ser expulso por ter dado um soco no lateral direito Léo, do Atlético-PR, que estava de costas no momento em que foi atingido. A informação é do jornalista Carlos Eduardo Mansur, do jornal ‘O Globo’, e confirmada pelo UOL. Por se tratar de uma competição não reconhecida pela CBF, uma possível punição não é válida para jogos do Campeonato Carioca, Brasileiro e Copa do Brasil, por exemplo.

A criação da comissão disciplinar se fez necessária por causa da CBF. A Primeira Liga tinha como objetivo utilizar o STJD (Superior Tribunal de Justiça Desportiva), assim como já ocorre nas demais competições. A entidade máxima do futebol brasileiro, porém, vetou a situação.

“A criação da comissão foi motivada pela interferência da CBF no STJD, que seria o órgão disciplinar da liga, mas que hoje deixou de ser”, disse à reportagem Eduardo Carlezzo, diretor jurídico da Primeira Liga.

Assim, a Primeira Liga teve, de última hora, criar um ‘STJD próprio’ para manter a ordem e disciplina dos jogadores na competição. Vale ressaltar que o ato de Fred não foi o que motivou a situação, embora tenha agilizado o processo. Dessa forma, a comissão deverá ser anunciada oficialmente nesta quinta (28).

Por Folhapress

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir