Sem categoria

Líder do PCC acusado de cometer mais de 10 homicídios é preso em Manaus

A dupla foi autuada por homicídio qualificado, receptação, tráfico de drogas, associação para o tráfico e porte ilegal de arma - foto: Arthur Castro/ do AGORA

A dupla foi autuada por homicídio qualificado, receptação, tráfico de drogas, associação para o tráfico e porte ilegal de arma – foto: Arthur Castro/ do AGORA

 

O ex-presidiário Felipe Ribeiro Batista, 27, apontado como líder da facção criminosa Primeiro Comando da Capital (PCC), em Manaus,  foi preso  juntamente com seu comparsa, Dinei Vieira Barbosa, 35, foram presos na madrugada desse domingo (10), na rua Santos Dumont, bairro Colônia Santo Antônio, Zona Leste. O líder do PCC é suspeito de cometer  mais de 10 homicídios.

Segundo a polícia, o ex-presidiário é um dos principais executores de traficantes da facção rival Família do Norte (FDN), onde vinha mantendo uma guerra por disputa de território para a venda de drogas. Algumas horas antes de ser preso, ele  matou a tiros o detento do regime semiaberto Antônio Nilson Freitas, 32, no bairro Novo Israel, Zona Norte. Antônio teria matado três comparsas de Felipe e, por conta disso, o ex-presidiário se  vingou.

De acordo com a Polícia Civil, o homem já vinha sendo investigado por seu envolvimento com os homicídios e tráfico de drogas no bairro da Cidade Nova, Zona Norte.

O titular da Delegacia Especializada de Homicídios e Sequestros (DEHS), delegado Ivo Martins, afirmou que pelo menos 10 crimes de homicídio são imputados ao crimoso. “As execuções são do ano de 2013 até este ano. Na semana passada, o traficante fez mais uma vítima identificada como ‘Daniel’, no Manoa. ‘Anjinho’ era de altíssima periculosidade e ficava divulgando nas redes sociais sobre as mortes que cometia”, afirmou.

A dupla foi autuada por homicídio qualificado, receptação, tráfico de drogas, associação para o tráfico e porte ilegal de arma. Eles foram levados à Cadeia Pública Raimundo Vidal Pessoa, no Centro.

Por Ana Sena/do AGORA

Por Ana Sena/do AGORA

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir