Esportes

Lesionado, Guerrero vira desfalque por 15 dias

A lesão do atacante Guerrero foi um pouco mais preocupante do que o imaginado pelo departamento médico do Flamengo. Após uma entorse no tornozelo direito no duelo da última quarta-feira (26), contra o Vasco, pela Copa do Brasil, o jogador ficará longe dos gramados por mais de 15 dias.

O camisa 9 já desfalcaria o clube carioca nos jogos contra Avaí, Fluminense e Cruzeiro por conta da convocação para amistosos com a seleção peruana. Agora, além de perder as partidas pelo seu país, também está vetado para o duelo deste domingo (30), contra o Sport, pelo Campeonato Brasileiro.

Com previsão de pouco mais de duas semanas de recuperação intensiva no Rio de Janeiro, a expectativa do departamento médico é que o atleta volte a trabalhar em campo em 15 dias e esteja à disposição da comissão técnica para o jogo contra a Chapecoense, dia 13 de setembro, em Santa Catarina.

Um retorno contra o Cruzeiro, no dia 10, não está descartado. No entanto, os médicos acham ser pouco provável e não pretendem forçar a volta ao time.

Nesta quinta, Guerrero foi ao CT iniciar a recuperação e deixou o local mancando e com um chinelo no pé direito devido ao inchaço. No pé esquerdo, calçava normalmente um tênis.

Outro jogador que preocupa a comissão técnica é o meia Ederson, que foi igualmente substituído ainda no primeiro tempo do jogo da véspera.

Com dores no músculo adutor da coxa esquerda, o atleta ainda aguarda resultados de um exame de imagem para saber o tamanho do problema. Dificilmente, porém, Ederson estará em campo no próximo domingo. O Flamengo ainda não definiu um prazo para o retorno do meia.

Por Folhapress

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir