Dia a dia

Laudo sobre invasão a Teatro Amazonas pode sair nesta semana

Turista paulista e um amigo tentaram entrar no Teatro Amazonas na madrugada do dia 22, quando foram surpreendidos pelo vigilante do local – foto: Ione Moreno

Turista paulista e um amigo tentaram entrar no Teatro Amazonas na madrugada do dia 22, quando foram surpreendidos pelo vigilante do local – foto: Ione Moreno

O laudo definitivo que poderá indicar se a turista paulista Bruna Cúrcio de Pascal, 25, e o biólogo Gabriel Gazzana Barros, 33, arrombaram a porta dos fundos do Teatro Amazonas na madrugada do dia 22 de fevereiro poderá ser divulgado ainda nesta semana, segundo o delegado titular do 24º Distrito Integrado de Polícia (DIP), Aldeney Góes. Ainda de acordo com o delegado, o prazo para o resultado é de 30 dias, no entanto, esta semana o titular solicitou que os resultados fossem entregues com antecedência.

“Ainda estamos dentro do tempo estipulado para divulgação do laudo, mas acredito que esta semana eu já terei o resultado final e assim poderei fazer as autuações corretas para cada um dos envolvidos”. Quando perguntado sobre por qual crime cada um deve responder, o delegado afirmou que tomará a decisão somente depois da entrega dos resultados.

Sobre o fato da turista não ter prestado depoimento na delegacia dia 1º de março, o delegado informou que o advogado de defesa de Bruna foi até a polícia informar que a turista teve que voltar para São Paulo para fazer novos exames e um tratamento para seu estado de saúde. “A falta de depoimento dela não influencia nas investigações. Os relatos dela são semelhantes ao que já ouvi do amigo que estava com ela. O que vai ser levado em consideração são as provas que o laudo vai apresentar”, disse.

Bruna foi alvejada com um tiro pelo vigilante, que lhe atingiu as nádegas, e os estilhaços da bala a atingiram na perna. Em depoimento, Gabriel falou que Bruna perdeu sua embarcação e como ela queria conhecer o teatro e já tinha encerrado o horário de visitação, o casal viu uma das portas abertas do teatro e resolveu entrar.

Por Ana Sena

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir