Dia a dia

Latrocínio: no Campo Dourado, bandidos matam comerciante com 10 tiros e roubam sua arma

O corpo foi removido para o IML- foto: Arthur Castro

O corpo foi removido para o IML- foto: Arthur Castro

O comerciante José Itamar de Souza Damasceno, 45, foi morto com 10 tiros na noite dessa quinta-feira (12), por volta das 20h30, vítima de latrocínio (roubo seguido de morte). O fato aconteceu na rua Tupi, loteamento Campo Dourado bairro Cidade Nova, Zona Norte de Manaus.

Populares informaram à polícia que a vítima estava em seu mercadinho, quando dois homens não identificados chegaram e o abordaram. Os suspeitos estavam numa motocicleta modelo Honda CG 125, de cor azul e placa JXS 6639.

Após entrar no estabelecimento e anunciar o assalto, eles começaram a efetuar vários disparos contra o proprietário. Os tiros atingiram a região da cabeça, tórax e braços do homem.

De acordo com a polícia, o comerciante tentou pegar uma arma que ele tinha no local, mas foi desamado pelos criminosos. Após cometer o crime, a dupla fugiu levando somente a arma da vítima.

A esposa do comerciante, identificada como Ruth Gama, 32, informou que não sabe a motivação do crime, já que o marido era bastante conhecido no bairro e aparentemente anão tinha inimigos.

O homem foi socorrido pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e conduzido ao Serviço de Pronto Atendimento (SPA) da Galileia, mas não resistiu aos ferimentos e morreu.

A motocicleta usada pelos bandidos foi encontrada pelos policias, abandonada no mesmo bairro onde ocorreu o crime, porém, até o momento, nenhum dos suspeitos foi localizado.

Inicialmente, o caso foi registrado no 6º Distrito Integrado de Polícia (DIP), mas será investigado pela Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS).

Por Mara Magalhães

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir