Cultura

La La Land confirma favoritismo e leva 7 Globos de Ouro

Ryan Gosling recebe o prêmio de melhor ator de comédia ou musical – foto: divulgação/Globo de Ouro

“Moonlight”, “Manchester à Beira-Mar” e o grande vencedor, “La La Land” confirmam o favoritismo numa noite de poucas surpresas na cerimônia do Globo de Ouro, realizada neste domingo (8).

Tudo indica que estarão no Oscar também, apesar de ambas as premiações terem corpos de jurados diferentes: os 90 jornalistas da Imprensa Estrangeira de Hollywood (no caso do Globo de Ouro) e os 7.000 membros da indústria (no caso do Oscar).

Nas categorias de televisão, “The Crown” e “American Crime Story: O Povo contra O.J. Simpson” confirmaram seu favoritismo. Esta última, uma minissérie baseada no julgamento do astro do futebol americano O.J. Simpson, consagrou-se como a mais prestigiada estreia de 2016 —no último Emmy, também foi uma das principais vencedoras.

A surpresa ficou com “The Night Manager” (AMC), drama de espionagem inspirado em livro de John Le Carré, que levou três prêmios na noite.

Em uma festa sem discursos comoventes,Meryl Streep emocionou ao criticar a eleição do presidente Donald Trump, ainda que sem citá-lo. A atriz recebeu um prêmio especial em homenagem a sua trajetória no cinema e conclamou os presentes a defender os jornalistas, “porque precisamos deles mais do que nunca”.

Veja, abaixo, a lista completa de vencedores.

Cinema

Melhor filme de drama
“Moonlight”, de Barry Jenkins

Melhor filme de comédia ou musical
“La La Land: Cantando Estações”, de Damien Chazelle

Melhor diretor
Damien Chazelle, por “La La Land: Cantando Estações”

Melhor ator em filme de drama
Casey Affleck, por “Manchester à Beira-Mar”

Melhor atriz em filme de drama
Isabelle Huppert, por “Elle”

Melhor ator em filme de comédia ou musical
Ryan Gosling, por “La La Land: Cantando Estações”

Melhor atriz em filme de comédia ou musical
Emma Stone, por “La La Land: Cantando Estações”

Melhor ator coadjuvante
Aaron Taylor Johnson, por “Animais Noturnos”

Melhor atriz coadjuvante
Viola Davis, por “Cercas”

Melhor roteiro
“La La Land” (Damien Chazelle)

Melhor animação
“Zootopia”, de Byron Howard e Rich Moore

Melhor filme estrangeiro
“Elle”, de Paul Verhoeven (França)

Melhor trilha sonora
“La La Land: Cantando Estações”

Melhor canção
“City of Stars” de “La La Land: Cantando Estações”

Televisão

Melhor série dramática
“The Crown” (Netflix)

Melhor ator em série dramática
Billy Bob Thornton, por “Goliath”

Melhor atriz em série dramática
Claire Foy, por “The Crown”

Melhor série musical ou de comédia
“Atlanta” (FX)

Melhor ator em série musical ou de comédia
Donald Glover, por “Atlanta”

Melhor atriz em série musical ou de comédia
Tracee Ellis Ross, por “Black-ish”

Melhor minissérie ou telefilme
“The People v. O.J.: American Crime Story” (FX)

Melhor ator em minissérie ou telefilme
Tom Hiddleston, por “The Night Manager” (AMC)

Melhor atriz em minissérie ou telefilme
Sarah Paulson, por “The People v. O.J. Simpson”

Melhor ator coadjuvante
Hugh Laurie, por “The Night Manager” (AMC)

Melhor atriz coadjuvante
Olivia Coleman, por “The Night Manager”

FolhaPress

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais lidas

grupo
Subir