Cultura

Karine Aguiar lança clipe em Paris

Cena do videoclipe da canção “Não mate a mata”, com Ygor Saunier, Karine Aguiar e Adelson Santos (da esquerda para a direita)- foto: divulgação

Cena do videoclipe da canção “Não mate a mata”, com Ygor Saunier, Karine Aguiar e Adelson Santos (da esquerda para a direita)- foto: divulgação

Para o seu primeiro videoclipe oficial, Karine Aguiar escolheu a composição do maestro amazonense Adelson Santos, ‘Não mate a mata’, que completa 40 anos de existência e continua atual. A nova versão foi gravada em Manaus, com direção do músico e pesquisador Ygor Saunier, da própria Karine e de seu produtor musical em Paris, Rômulo Marques. O maestro, que completou 55 anos de carreira, é autor de outras obras musicais importantes como a ópera ‘Dessana Dessana’ (texto de Aldísio Filgueiras e Márcio Souza), que conta a origem do mundo na visão da etnia Dessana.

O novo arranjo de ‘Não mate a mata’ também conta com a voz e o violão de Adelson Santos. Os músicos amazonenses convidados para esta gravação histórica foram Neil Armstrong Jr (responsável pela captação de áudio, dividindo também os violões com o maestro), o charanguista Arlen Barbosa, o baixista Sérvio Túlio e Ygor Saunier (bateria e percussão).

A versão feita por Karine Aguiar procura não fugir tanto do arranjo original, mas foram acrescentados elementos da música clássica, ritmos amazônicos como o ‘retumbão’ (ritmo de Bragança/PA), o Marabaixo (ritmo do Amapá) e o ‘boi de rua’.

Em relação ao videoclipe propriamente dito, a proposta de filmá-lo veio a partir de um pedido de Antônio Cançado, diretor-presidente da ONG franco-brasileira ‘Brasil France 21’, durante um dos shows na temporada de Karine na França em 2014, cuja produção executiva também foi assinada por ele. O clipe, para o lançamento, conta também com legendas em francês. A produção audiovisual estará disponível tanto no canal do Youtube de Karine (cujo link encontra-se no www.karineaguiar.com), quanto em sua fanpage no Facebook, a partir das 14h de quarta-feira (2).

A direção do clipe e a captação das imagens são de Klinger Santiago, com a edição de Jhonny Nogueira. A gravação ocorreu em três locações diferentes de Manaus e são intercaladas com cenas da biodiversidade amazônica e outras cenas que remetem a alguns dos problemas socioambientais agudos do Brasil como o desmatamento, os conflitos de terra com indígenas, as queimadas e a tragédia em Mariana.

A produção executiva do videoclipe em Manaus é assinada pela Saunier Music Produções (empresa que hoje representa as carreiras de Karine Aguiar e Ygor Saunier no Brasil) em parceria com a produtora cultural e jornalista Wanessa Leal.

Meio ambiente

A primeira exibição do clipe de Karine, que acontece junto com o lançamento em Paris do documentário ‘A Lei da Água’ (de Fernando Meirelles e André D’Elia), será dia 2 de dezembro, às 18h, no Pavillon de l’Eau, conhecido por ser um Espaço de Cultura & Conscientização sobre a importância da Água pertencente à Prefeitura de Paris. Já a segunda exibição, no dia seguinte, acontece na Fondation Jean Jaurès, criada pelo Partido Socialista Francês, que está atualmente no poder com o Presidente François Holande.

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir