País

Justiça condena Joaquim Barbosa a indenizar jornalista por danos morais

O Tribunal de Justiça do Distrito Federal condenou nesta quinta-feira (6) o ex-presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Joaquim Barbosa, a pagar R$ 20 mil em indenização por danos morais ao jornalista Felipe Recondo.

Em 2013, Barbosa foi abordado pelo repórter, que na ocasião trabalhava para o jornal “O Estado de S. Paulo”, na saída da sessão do Conselho Nacional de Justiça (CNJ).

O então ministro chamou o jornalista de “palhaço” e mandou que ele fosse “chafurdar no lixo”.

“Me deixa em paz, rapaz. Vá chafurdar no lixo, como você faz sempre”, disse, na época. Ao entrar no elevador, Barbosa voltou a se dirigir ao repórter: “Palhaço”.

Recondo, hoje sócio do site Jota, moveu uma ação por danos morais em agosto de 2014. Perdeu em primeira instância e apelou ao Tribunal de Justiça do DF, que acolheu o recurso e condenou Barbosa. O ex-ministro pode recorrer da sentença ao Superior Tribunal de Justiça (STJ).

O advogado do jornalista, Leonardo Furtado, disse que é relevante o fato de a Justiça ter entendido que o Estado não tem responsabilidade sobre situações como essa. O episódio ocorreu dentro de um prédio público, e Barbosa estava na condição de ministro naquele momento, mas ele responde à ação como pessoa física.

“É importante para definir os limites da responsabilidade do agente público. Ele responde como pessoa natural. Se fosse o contrário, a ação nem poderia continuar, o processo teria de ser contra o Estado, mas, apesar de ser presidente do STF à época, ele não estava agindo como agente público”, afirmou Furtado.

Procurado pela reportagem, Joaquim Barbosa informou, por meio de sua assessoria de imprensa, que não irá se pronunciar sobre a decisão.

Folhapress

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Quis autem vel eum iure reprehenderit qui in ea voluptate velit esse quam nihil molestiae consequatur, vel illum qui dolorem?

Temporibus autem quibusdam et aut officiis debitis aut rerum necessitatibus saepe eveniet.

Copyright © 2016 EM TEMPO Online. Todos Os Direitos Reservados.

Subir