País

Justiça aceita recurso, e Suzane von Richthofen vai para regime semiaberto

O Tribunal de Justiça de São Paulo aceitou, em votação unânime nesta quinta (22), um recurso da defesa de Suzane von Richthofen, e a presidiária vai agora cumprir pena no regime semiaberto.


Suzane, condenada a 39 anos e presa há 13, teve a oportunidade de ir para o semiaberto em agosto de 2014, mas recusou por “questões de segurança”. À época, a Secretaria de Estado da Administração Penitenciária informou que ela preferiu não aceitar a progressão, pois não queria ser transferida da Penitenciária-1 de Tremembé (SP), onde cumpria pena em regime fechado.

O recurso aceito nesta quinta pela Justiça pedia a anulação da decisão do ano passado, que revogava o benefício. A defesa alegou que Suzane se manifestou sem assistência jurídica técnica.

Em março a Justiça de São Paulo determinou que a herança da família Von Richthofen seja entregue apenas ao irmão de Suzane, Andreas Albert von Richthofen. Na sentença, o juiz determinou que ela deveria ser excluída da partilha dos bens por considerá-la “indigna”. A herança é calculada em mais de R$ 3 milhões.

Por Folhapress

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir