Sem categoria

José Melo leva pauta de reivindicações a Dilma

O governador José Melo (Pros), participa amanhã do encontro de governadores com a presidente Dilma Rousseff, em Brasília - foto: Herick Pereira/Secom

O governador José Melo (Pros), participa amanhã do encontro de governadores com a presidente Dilma Rousseff, em Brasília – foto: Herick Pereira/Secom

Com uma pauta de reivindicações para o Amazonas e Estados vizinhos, inseridas na ‘Carta de Manaus’, o governador José Melo (Pros), participa amanhã do encontro de governadores com a presidente Dilma Rousseff, em Brasília. Junto com ele estará o secretário de Estado do Planejamento e Desenvolvimento Econômico, Ciência, Tecnologia e Inovação (Seplanct), Thomaz Nogueira.

A declaração foi dada pela manhã desta terça-feira (28), durante a sanção do projeto de lei 202/2015, que altera algumas competências do Corpo de Bombeiros.

Melo afirmou que vai aproveitar a oportunidade para entregar à presidente a “Carta de Manaus”, documento com o resultado do 11º Fórum dos Governadores da Amazônia Legal, ocorrido na última sexta-feira na capital amazonense, onde estão inseridos diversos pleitos, entre eles a que pede a equalização da saúde pública. Os gestores da região se queixam que a Amazônia Legal recebe um repasse menor em relação a outros Estados brasileiros.

O governador revelou que recebeu o convite do Palácio do Planalto na última segunda-feira e, imediatamente confirmou sua presença. O objetivo da presidência com esta reunião com os dirigentes dos Estados é para tratar da governabilidade do país e sobre o ajuste fiscal.

“Vamos tratar também da equalização do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb). Nós aqui recebemos um valor inferior comparado a outras regiões. Também faremos reivindicações mais gerais, que vem por meio da questão das estradas, das hidrovias, das ferrovias, que venham facilitar a ida e vinda de produtos em nossa região, reduzindo o custo desse transporte. Nós entendemos que o país só pode sair dessa crise se tiver a participação efetiva dos governadores.”, disse Melo.

O governador do Amazonas, cujo partido é de sustentação ao governo Dilma, afirmou que esta reunião em Brasília é suprapartidária e de total interesse na melhoria do país. “Todos nós devemos esquecer partidos e pensar num país chamado Brasil, porque se conseguirmos resolver essas questões e o país voltar a crescer”, acrescentou.

Cidade Universitária

Durante a solenidade de assinatura da nova lei de Sistema de Segurança contra Incêndios e Pânico em Edificações e Áreas de Risco, José Melo anunciou ainda que o financiamento da construção da Cidade Universitária, que está sendo erguida às margens da rodovia Manoel Urbano (AM -070), está encaminhado. “A cidade universitária representará o futuro para nossos filhos e a Corporação Adjunta de Fomento já deu o sinal verde. A partir de agora vamos elaborar os projetos, para que possamos dar celeridade ao projeto”, revelou. Os investimentos nesta nova “cidade” estão orçados em US$ 500 milhões.

Durante reunião com representantes da Corporação Adjunta de Fomento, ontem pela manhã, o governador afirmou que o grupo tratou ainda da duplicação da AM 010 (Manaus/Rio Preto da Eva) e também a construção de novos Prosamins.

Melo afiançou que já foram assinados todos os documentos necessários de contratos e que estão apenas aguardando a liberação das parcelas para dar início das obras.

Por Henderson Martins

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir