Política

José Melo inaugura, em Borba, três escolas totalmente reestruturadas

As unidades, que atendem cerca de 1.970 alunos dos ensinos fundamental e médio, receberam investimentos de R$ 3,100 milhões - foto: divulgação

As unidades, que atendem cerca de 1.970 alunos dos ensinos fundamental e médio, receberam investimentos de R$ 3,100 milhões – foto: divulgação

Com parte de um pacote de obras que soma R$ 450 milhões, aplicados em 121 obras para melhoria da infraestrutura educacional no Estado, o governador José Melo reinaugurou nesta segunda-feira (10), no município de Borba (a 135 quilômetros de Manaus), três escolas que foram totalmente reestruturadas.

As unidades, que atendem cerca de 1.970 alunos dos ensinos fundamental e médio, receberam investimentos de R$ 3,100 milhões.

O governador afirmou que educação de qualidade não se constrói da noite para o dia, mas com investimentos tanto na parte estrutural quanto na parte de pessoal. Segundo ele, o Amazonas tem evoluído nos últimos anos e os resultados do que é feito hoje poderão ser conferidos nos próximos anos.

“Nós crescemos quase quatro vezes mais na avaliação do Enem, do que a média nacional. O Amazonas cresceu 14%, enquanto o Brasil só avançou 4%. Isso é fruto do nosso trabalho e o resultado do que investimos hoje poderá ser visto daqui a dez anos. Nós estamos no caminho certo e precisamos continuar avançando”, declarou José Melo.

As unidades reinauguradas – Escola Estadual Cônego Bento José de Souza, Escola Monsenhor Coutinho e Escola Lourenço Rodrigues da Motta –, segundo a Secretaria de Estado da Educação (Seduc), possuem notas de avaliação no Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb) que variam de 4,5 a 5.

O governador também anunciou que, até o início do ano de 2016, o município de Borba vai contar com um Centro de Ensino de Tempo Integral (Ceti), que já está em fase de construção. Outras quatro escolas também estão em fase de construção no município.

As obras na área da educação realizadas pelo Governo do Estado contemplam a capital e 30 municípios do interior. As ações envolvem reformas, ampliações e construção de novas escolas, como as escolas de tempo integral.

De acordo com o governador, os novos investimentos na educação vão melhorar a infraestrutura e contribuir com avanços na qualidade de ensino. Até o final do ano, a meta é que 12 escolas de tempo integral sejam inauguradas para entrar em funcionamento para o ano letivo de 2016. “Até dezembro vamos inaugurar mais 12 Cetis, sendo dez no interior e dois em Manaus. E até o final do governo nossa meta é fazer 40 Cetis e adaptar 20 escolas para funcionar em tempo integral”.

Além das melhorias na infraestrutura, José Melo destacou a criação de novos programas na área de educação. Entre eles, está o “Todos Pela Vida-Educação”. “O ‘Todos pela Vida’ é um conceito novo de envolvimento de toda a estrutura do governo com a sociedade e evitar que a juventude se torne presa fácil do mundo da criminalidade e do tráfico. Na educação está na razão direta, no sentido de que ficaremos mais tempo com o aluno em aula. Quando construímos a escola, de saída, tiramos mil jovens da rua oferecendo uma formação integral”, destacou.

No segundo semestre de 2015, a previsão é que 11 novas obras entrem em execução, somando R$ 85 milhões. Entre as obras estão cinco novos Cetis e a reforma das escolas estaduais Maria Rodrigues Tapajós e Santo Antônio, em Manaus, além de uma nova escola padrão 12 salas de aula em Maraã.

Com informações da assessoria de comunicação

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir