Esportes

Amigos de Aldo e Pizzonia batem um bolão de solidariedade para ajudar vítimas da seca no Amazonas

Melo cumprimenta Aldo e Pizzonia nos bastidires do jogo - foto: divulgação

Melo cumprimenta Aldo e Pizzonia nos bastidires do jogo – foto: divulgação

A Arena da Amazônia foi palco de um show de solidariedade na tarde deste sábado (27). Com o objetivo de arrecadar alimentos para instituições filantrópicas e famílias atingidas pela seca no interior do Amazonas e aumentar o estoque do banco de sangue, o jogo beneficente ‘Amigos do José Aldo x Amigos do Pizzonia’ levou uma multidão ao estádio amazonense, reuniu lendas do esporte brasileiro, como Zico e Bebeto, e vai guardar para a história o registro dos pés de 16 atletas do futebol para o maior museu do esporte brasileiro.

O governo do Amazonas arrecadou 40 toneladas de alimentos não perecíveis com a troca de ingressos para o jogo beneficente na Arena da Amazônia, em Manaus. Os alimentos serão enviados para os municípios atingidos pela seca deste ano e entidades sociais da capital, que possuem convênio com o Fundo de Promoção Social (FPS).

O governador José Melo disse que o resultado do jogo foi extremamente animador. Além de beneficiar os municípios que estão sofrendo com fenômenos naturais, pode atender as necessidades de 41 entidades sociais conveniadas com o governo.

“Estávamos com o estoque de sangue muito baixo, por conta do Carnaval e do mosquito Aedes Aegypti houve retração dos doadores em todo o Brasil. Conseguimos não só retomar o nível como aumentar em 40% o estoque e somente por isso já valeria o jogo. Temos também mais de 41 mil quilos de alimentos que serão distribuídos para quem precisa. Quero agradecer a todos que participaram doando e organizando esse evento”, ressaltou Melo.

Neste primeiro momento serão contemplados quatro municípios que estão em situação de emergência. É o caso de Presidente Figueiredo, São Gabriel da Cachoeira e Santa Isabel do Rio Negro, por motivo de estiagem, e Barcelos, por conta das queimadas. Depois, entrarão no cronograma de doações outras cidades que poderão ser atingidas pela estiagem. O FPS irá definir na próxima semana as entidades filantrópicas que serão contempladas.

Gestão privada
O governador adiantou que as negociações para administração da Arena da Amazônia pela iniciativa privada estão avançadas. Sem revelar nomes, ele disse que dois grupos empresariais com expertise na gestão de estádios demonstram interesse em gerir o estádio de Manaus.

“Há duas empresas interessadas em administrar para que os custos não sejam mais do Estado. O foco é transformar essa Arena, de fato, em uma arena multiuso, realizando grandes eventos esportivos e culturais para que ela possa se autogestar e gerar recursos para investir no esporte”, comentou o governador.

Sede do campeonato de futebol das Olimpíadas, Manaus deve receber outros dois jogos oficiais testes antes da realização dos jogos olímpicos, em agosto. Uma das partidas será disputada pela seleção brasileira pelas eliminatórias da Copa do Mundo. As datas ainda serão divulgadas.

Com informações da assessoria

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir