Mundo

Japão determina retirada de 90 mil pessoas devido a inundações

As autoridades japoneses determinaram a retirada de milhares de pessoas de suas casas depois de chuva torrencial, que fez transbordar rios e causou deslizamentos de terra no centro do país. Uma pessoa está desaparecida.

A Agência Meteorológica do Japão divulgou alerta de chuva intensa para as prefeituras de Tochigi e Ibaraki, ao norte de Tóquio.

Segundo o meteorologista Takuya Deshimaru, o índice de chuva registrado não tem precedentes. “O perigo pode ser iminente”, disse ele, em entrevista coletiva.

Partes de Tochigi foram inundadas e a altura da água chegou a quase 60 centímetros desde segunda-feira (7).

As autoridades determinaram que cerca de 90 mil pessoas residentes na região deixassem suas casas e mais 80 mil foram aconselhados a fazer o mesmo, segundo a emissora pública NHK.

O observatório meteorológico em Tochigi informou que o Rio Kinugawa, que também atravessa Ibaraki, transbordou hoje (10).

Na cidade de Kanuma, na prefeitura de Tochigi, as autoridades procuram por uma pessoa desaparecida, que acreditam ter sido soterrada por deslizamento de terra. A NHK informou que se trata de uma mulher, com cerca de 60 anos.

Por Agência Brasil

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir