Sem categoria

Iranduba enfrenta Timão na Arena da Amazônia

PÓDIO_C1_IRANDUBA_Mauro-Neto_Sejel

A escolha do estádio foi anunciada na manhã de ontem, pela Federação Amazonense de Futebol (FAF) e Secretaria de Estado de Juventude, Esporte e Lazer (Sejel). foto: Mauro Neto

A Arena da Amazônia Vivaldo Lima será palco para o grande duelo entre Iranduba e Corinthians, no primeiro jogo da equipe amazonense pela segunda fase do Campeonato Brasileiro de Futebol Feminino, no dia 23 deste mês. A escolha do estádio foi anunciada na manhã de ontem, pela Federação Amazonense de Futebol (FAF) e Secretaria de Estado de Juventude, Esporte e Lazer (Sejel).

“Nossa intenção é lotar o anel inferior da Arena com 20 mil pessoas”, disse o presidente da FAF, Dissica Valério Thomaz, ressaltando o desempenho do time alviverde nos últimos jogos. “A equipe do Iranduba se destacou na primeira fase da competição e, merecidamente, vai jogar no templo consagrado do futebol amazonense. Contamos com o apoio da torcida, que consideramos o 12º jogador do time”, continuou.

O titular da Sejel, Fabrício Lima, acredita que os próximos jogos do Hulk da Amazônia também possam ser disputados no principal estádio do futebol amazonense, mas isso só poderá ser confirmado após a estreia na segunda fase. “A nossa intenção é fazer os três jogos na Arena da Amazônia. Se o time do Iranduba alcançar um bom resultado no próximo jogo, é bem provável que as demais partidas sejam realizadas aqui. Para isso, mais do que nunca, contamos com o apoio das torcidas”, disse.

 

Sonho

O técnico do Iranduba, Olavo Dantas, afirmou que jogar na arena era o grande sonho da equipe. “O time está muito feliz com a notícia. Na verdade, estamos concretizando um sonho. Se Deus quiser, no dia 23 faremos um grande jogo no estádio. O torcedor abraçou a equipe e fez toda a diferença nas primeiras partidas locais. Eu acredito que não será diferente na segunda fase do campeonato”, comentou.

Por conta do draft, todas as equipes que avançaram para a segunda fase da competição receberão, dependendo do sorteio, até duas jogadoras da seleção brasileira permanente. A zagueira Tayla e a lateral-esquerda Rilany foram as escolhidas para compor o elenco alviverde. Para Dantas, os reforços agregarão positivamente na participação do Iranduba na segunda fase do certame.

“Tenho certeza que elas virão para somar no time, e vamos aprender muito com elas no decorrer dos treinamentos. Iremos nos unir e treinar bastante para alcançar os três pontos”, disse.

 

Por Bruna Amaral

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir