Dia a dia

Invasores voltam a tentar ocupar terreno no Distrito Industrial 2, Zona Leste

Armados, chegaram a trocar tiros com os seguranças contratados pelos empresários, que também são donos da área. - foto: Henderson Martins

Armados, chegaram a trocar tiros com os seguranças contratados pelos empresários, que também são donos da área. – foto: Henderson Martins

Retirados ontem pela Polícia Militar, os invasores de um terreno pertencente à Superintendência da Zona Franca de Manaus (Suframa), no Distrito Industrial 2, Zona Leste, voltaram a ocupar o local na manhã desta sexta-feira (19). Armados, chegaram a trocar tiros com os seguranças contratados pelos empresários, que também são donos da área.

A informação é do secretario do Gabinete de Gestão Integrada (GGI), delegado Frederico Mendes. “Soubemos que um ônibus descaracterizado chegou ao terreno onde estavam os seguranças, cheio de ocupantes armados. Eles teriam entrado em confronto com os vigilantes. Eles vão tentar resistir, mas o caso está sendo apurado pelos órgãos de inteligência da polícia”, disse.

O delegado explicou que a Polícia Federal já foi acionada para investigar quem são os lideres da invasão, uma vez que ficou claro para a polícia o interesse deles na comercialização da área.

“Isso é uma situação grave, pois envolve a questão de venda de terras, não é apenas um simples interesse em construir um local para morar. Hoje não tem como tratar a invasão de terra como antigamente, onde as pessoas invadiam para ter a casa própria. Estamos lidando com o crime organizado que usa a invasão para lucrar”, destacou.

Uma ocupante identificada por Nilce Sampaio alegou que as famílias vão reerguer novamente os barracos, pois não tem onde morar. Mesmo que a polícia insista em retirá-los haverá resistência. “Não temos para onde ir, vamos continuar insistindo em construir nossas casas por aqui”, comentou.

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir