Esportes

Insanus Race chega a sua 2ª edição neste domingo

Os atletas terão de enfrentar os mais diferentes tipos de solo, com cerca de 15 obstáculos espalhados pelos 4 quilômetros de prova – foto: divulgação - foto: divulgação

Os atletas terão de enfrentar os mais diferentes tipos de solo, com cerca de 15 obstáculos espalhados pelos 4 quilômetros de prova – foto: divulgação – foto: divulgação

Está tudo pronto para a segunda edição da Insanus Race, a maior corrida de obstáculos de Manaus, que chega a sua segunda edição neste domingo (5), no Clube do Trabalhador, no Coroado, Zona Leste de Manaus.

E nesta edição a prova promete testar ainda mais os limites dos atletas com circuitos com cordas, canos, tubulações, água gelada, rampas, paredes para escaladas, subidas, descidas, escadas e até lama. Serão 15 obstáculos em um percurso de quatro quilômetros, com direto a trilha.

A Insanus Race surgiu do boom que aconteceu no Brasil em relação a corridas com obstáculos. O modelo observado e seguido pelos organizados foi o mesmo da Spartan Race, considerada uma das maiores provas do segmento no mundo, onde os participantes são obrigados a superar os mais variados “entraves” durante o percurso. Urubuí, Trepadeira, Sucuri, Garimpo, Guariba, Santuário, Cururu, Pega Leso, Cabreiro, Pico Insanus, Interbairros, Tupé, Cipó, Maroaga e Jequitibá são os nomes dos 15 obstáculos que terão de ser superados pelos participantes da corrida.

De acordo com o organizador do evento, Wagner Lacouth, apesar do desafio, até mesmo corredores do dia a dia podem participar. “Nós queremos incluir todas as pessoas nesse evento diferenciado e pioneiro em Manaus que é a Insanus. Com toda a certeza ninguém vai se arrepender de participar”, explicou.

Para ele, tão peculiar quanto os desafios a serem enfrentados no percurso é o público que se inscreve. Mas Lacouth garante que “são homens e mulheres de idades variadas, atletas de corrida de rua que buscam novos desafios, praticantes de triatlon, amantes do crossfit, gente que só está lá para fazer graça e pessoas que querem superar medos e descobrir do que são capazes”.

Ainda segundo ele, aos atletas que deixarem de completar os obstáculos será aplicado uma penalidade. “Serão 20 flexões ou outra atividade física de acordo com a decisão do comitê organizador do evento. Isso torna tudo mais competitivo e interessante para todos”, explica.

A corrida será disputada na categoria individual masculino e individual feminino, além da categoria equipe, podendo ser composta tanto por homens quanto por mulheres, com quatro participantes.

Premiação

Os três primeiros colocados em suas respectivas categorias, masculina e feminina, receberão premiação de R$ 300 para o primeiro, R$ 200 para o segundo e R$ 100 para o terceiro. Na categoria por equipe a premiação será de R$ 400 para a primeira equipe, R$ 300 para a segunda e R$ 200 para a terceira.

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir