Sem categoria

Ingressos para amistosos da Seleção Olímpica do Brasil em Manaus começam a ser vendidos,  na sexta

 

A equipe tem chegada prevista para a próxima segunda-feira (5), e vai treinar nos dois dias seguintes no estádio da Colina - divulgação

A equipe tem chegada prevista para a próxima segunda-feira (5), e vai treinar nos dois dias seguintes no estádio da Colina – divulgação

Os ingressos para os amistosos da Seleção Olímpica masculina em Manaus começam a ser vendidos na próxima sexta-feira (2), em quatro pontos de venda físico e um online. O anúncio foi feito na tarde desta terça-feira (29), pelo diretor de competição da CBF, Manoel Flores, durante coletiva de imprensa na sede da Federação Amazonense de Futebol (FAF), no Centro.

Na ocasião também estavam presentes os coordenadores do Comitê Organizador Manaus 2016 pelo Governo do Estado, Mário Aufiero, e pelo Município, Bernardo Monteiro de Paula. Eles falaram sobre as operações de serviços na Arena e na Cidade de Manaus nos dias dos jogos, a exemplo do trânsito, segurança e área de saúde e que servirão como testes para as seis partidas do Torneio Olímpico de Futebol, que acontecerão em rodadas duplas, em agosto do ano que vem na capital amazonense.

A Seleção Olímpica vai realizar duas partidas na Arena da Amazônia. A primeira delas, no dia 9 de outubro, às 20h, contra a República Dominicana, e a segunda, dia 12 de outubro, contra a seleção do Haiti.  O valor dos ingressos para arquibancada superior custará R$ 40 inteira e R$ 20 meia-entrada. Para arquibancada inferior, o preço será R$ 60  inteira e R$ 30 meia-entrada.

Para os torcedores que quiserem comprar ingressos para os dois jogos, os preços serão R$ 60 inteira e R$ e 30 meia-entrada para arquibancada superior e R$ 100 inteira e R$ 50 meia-entrada para arquibancada inferior.

Os pontos de venda serão a Arena Amadeu Teixeira, as lojas Ótica Avenida localizadas nos shoppings Manauara,  Sumaúma e Amazonas. Há ainda a opção de venda online pelo site www.guicheweb.com.br.

O representante da CBF chegou a Manaus no início da tarde desta terça-feira com uma comitiva que visitou a Arena da Amazônia e os campos de treinamento Ismael Benigno (Colina) e Carlos Zamith (Coroado). As visitas foram acompanhadas pelo diretor-presidente da Fundação Vila Olímpica, Aly Almeida, e pelo diretor de Futebol da FAF, Ivan Guimaraes.

A vinda da seleção brasileira a Manaus foi confirmada na segunda-feira (28), pela CBF, durante coletiva de imprensa na qual também divulgou a lista dos 22 jogadores convocados para os dois amistosos. A equipe tem chegada prevista para a próxima segunda-feira (5), e vai treinar nos dois dias seguintes no estádio da Colina.

O reconhecimento do gramado da Arena da Amazônia ocorre na quinta-feira (8), provavelmente no mesmo horário do jogo contra a República Dominicana: às 20h, de Manaus.

Os adversários também chegam no início da semana que vem, mas treinarão no estádio Carlos Zamith.

Testes para a cidade

Os amistosos da Seleção Olímpica na Arena da Amazônia serão usados pelo Governo do Estado e pela Prefeitura de Manaus como teste operacional para a cidade. O Comitê Rio 2016 ainda não definiu se os jogos contarão como evento-teste para a Arena da Amazônia, mas áreas operacionais como mobilidade urbana, segurança no entorno dos hotéis e transporte de seleções serão testadas.

O coordenador estadual dos jogos Olímpicos, Mario Aufiero, não descartou que os amistosos da seleção ainda possam ser evento-teste. Para isso as partidas deveriam ter uma preliminar, ou seja, uma rodada dupla. Ele destacou que, mesmo se os jogos não forem testes oficiais na Arena da Amazônia, muitas áreas operacionais serão envolvidas, da mesma maneira que ocorrerá durante as Olimpíadas. “Mesmo não sendo uma rodada dupla, como nas Olimpíadas, testaremos o funcionamento da Arena da Amazônia, a segurança no entorno dos hotéis e dos campos de treinamento (Estádio da Colina e Coroado)”, afirmou.

De acordo com o coordenador municipal dos Jogos Olímpicos em Manaus, Bernardo Monteiro de Paula, além dos jogos serem simbólicos para o aniversário da cidade, também se somarão aos demais eventos tradicionais realizados em comemoração aos 346 anos da capital. “As partidas da Seleção Olímpica se somarão ao Boi Manaus e ao Passo a Paço, transformando o mês de aniversário de Manaus numa grande celebração e um importante teste operacional para a cidade”, declarou.

Os dirigentes locais ainda estão reivindicando um dos jogos da Seleção Brasileira pelas Eliminatórias da Copa do Mundo de 2018. Nesta terça-feira o diretor presidente da Vila Olímpica, Aly Almeida aproveitou a reunião com os representantes da CBF para fazer a solicitação formal, o que não foi descartado pelo representante da CBF, que prometeu estudar o assunto.

Com informações da assessoria de comunicação

2 Comments

2 Comments

  1. Ronielly

    2 de outubro de 2015 at 08:55

    Quero comprar o ingresso.

  2. wadson desir

    30 de setembro de 2015 at 00:33

    primeira vez que estou comprando,espero que de certo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir