País

Incêndio na Luz pode ter iniciado após troca de luminária, diz Defesa Civil

 O incêndio que devastou o Museu da Língua Portuguesa, no centro de São Paulo, nesta segunda pode ter começado durante a troca de uma luminária - foto: Bombeiros/SP


O incêndio que devastou o Museu da Língua Portuguesa, no centro de São Paulo, nesta segunda pode ter começado durante a troca de uma luminária – foto: Bombeiros/SP

O incêndio que destruiu parte do prédio da estação da Luz e devastou o Museu da Língua Portuguesa, no centro de São Paulo, nesta segunda-feira (21), pode ter começado durante a troca de uma luminária, de acordo com depoimentos de funcionários ao chefe da Defesa Civil municipal, Milton Persole.

“Foi citado que o incêndio iniciou-se na troca de uma luminária. Quando o funcionário voltou com a nova peça, já tinha dado um curto-circuito e o fogo já estava em um processo muito rápido [de expansão]”, afirmou Persole.

Ele ponderou, porém, que essa informação só poderá ser confirmada após a conclusão dos laudos da perícia e investigação da Polícia Civil. Para Persole, a ação da brigada de incêndio do próprio museu foi eficaz e garantiu a segurança dos funcionários durante a saída do prédio.

Por volta das 9h50, três técnicos do IPT (Instituto de Pesquisas Tecnológicas) chegaram ao local para fazer uma vistoria no prédio.

Por Folhapress

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir