Mundo

Incêndio destrói edifício que serviria de alojamento a refugiados na Alemanha

Um incêndio destruiu hoje (24) um edifício desabitado que deveria transformar-se em habitação para refugiados, na cidade de Weissach im Tal, no Sudoeste da Alemanha.

Não se sabe ainda as causas do incêndio, mas a polícia não descarta a possibilidade de ter sido um atentado xenofóbico. A cidade já registrou ocorrências contra estrangeiros antes.

Em 2004, um centro para refugiados foi alvo de um atentado protagonizado por um neonazista de 17 anos, que lançou dois coqueteis-molotov contra o prédio.

O aumento no número de refugiados no país é um desafio para as autoridades alemãs, tanto do ponto de vista logístico como político. O estado federal de Baden-Württenberg calcula que, durante este ano, devem chegar 100 mil refugiados ao país.

Nos últimos meses, os ataques contra lares de refugiados em todo país têm se multiplicado. Atualmente, um dos focos de atenção encontra-se em Heidenau, no Leste do país, onde houve confrontos entre grupos neonazistas e manifestantes de esquerda que se solidarizaram com os refugiados.

O vice-chanceler e ministro da Economia alemão, Sigmar Gabriel, viaja hoje para Heidenau.

Por Agência Brasil

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir