Dia a dia

Ibama apreende madeira ilegal em operação no município de Parintins

A proprietária da carga é uma empresa de cujo nome está sendo mantido em sigilo pelo Ibama. - Foto: Tadeu de Souza

A proprietária da carga é de uma empresa cujo o nome está sendo mantido em sigilo pelo Ibama  – Foto: Tadeu de Souza

Setecentos metros cúbicos de madeira, além de tratores e outros equipamentos usados clandestinamente foram apreendidos durante a ‘Operação Muiraquitã’, deflagrada pelo Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis Ibama em Parintins (369 quilômetros de Manaus), na madrugada desta sexta-feira (12). A apreensão ocorreu em uma balsa no rio Uaicurapá, próximo a Barreirinha (331 quilômetros da capital).

Segundo o gerente local do órgão, Joel Araújo, a empresa já foi notificada e tem prazo para fazer sua defesa, do contrário, a madeira será beneficiada e doada. Ele explicou que a “Operação Muiraquitã” tinha como foco o combate às queimadas na região que vinham causando sérios transtornos à navegação.

“E terminamos realizando a maior apreensão de madeira deste de ano”. Araújo disse ainda que os fiscais realizaram ações na gleba de Vila Amazônia, onde está o assentamento do governo federal, região do rio Uaicurapá na fronteira com a reserva indígena Sateré-Mawé, além de fiscalizar a extração de areia.

“Nós já temos 200 hectares de área autuada e embargada, já temos mais de R$ 2 milhões em multa aplicada e continuamos com a operação para impedir o desmatamento criminoso aqui no Baixo-Amazonas”, afirmou o Araújo.

Por Tadeu de Souza

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir