Dia a dia

Homem se diz arrependido por assassinato de vizinho

Stanley foi autuado por homicídio Qualificado - foto: Josemar Antunes

Stanley foi autuado por homicídio Qualificado – foto: Josemar Antunes

Preso por suspeita de envolvimento no assassinato de Paulo Giovane Barbosa Filizzola, 33, no dia 18 deste mês, Stanley Felipe Oliveira Vieira, 23, foi apresentado por policiais civis, na última quarta-feira, e apresentado nesta segunda-feira na Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS).

A polícia cumpriu mandado de prisão expedido pelo juiz Mauro Moraes Antony, da 3º Vara do Tribunal do Júri.

O delegado Ivo Martins disse que o crime ocorreu durante uma discursão entre a vítima e o suspeito, que eram vizinhos e tinham desavenças.

“No dia do crime, o Paulo estava em um bar quando o Stanley foi até ele e os dois começaram uma discussão. O motivo foi o enteado de Stanley, de 16 anos, que ofereceu drogas para o filho da vítima, de 11 anos. Após a briga, o suspeito se retirou do local foi até a casa onde morava e retornou armado quando disparou cinco tiros contra Paulo, que morreu no local”, explicou o delegado.

Em depoimento, Stanley disse que agiu em legítima defesa. “Não tinha intenção de matá-lo, só me defendi. Ele tentou me matar duas vezes e até  hoje não sei o motivo. Estou muito arrependido, não era a minha intenção” disse.

Stanley foi autuado por homicídio Qualificado e levado à Cadeia Pública Desembargador Raimundo Vidal Pessoa, no Centro de Manaus.

Por equipe EM TEMPO Online

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir