Dia a dia

Homem que matou a própria mãe a facadas, no Coroado, continua foragido

O suspeito matou a própria mãe a facadas e depois fugiu - foto: divulgação

O suspeito matou a própria mãe a facadas e depois fugiu – foto: divulgação

Erinilson Magalhães Guimarães, 23, conhecido como ‘Jerry’, acusado de matar a própria mãe, dia 7 julho passado, na Zona Leste de Manaus, continua foragido, conforme delegada Joyce Viana, titular do 11º Distrito Integrado de Polícia (DIP). A vítima foi a costureira Joana d’Arc Magalhães Guimarães, 56, morta a facada na rua Padre Francisco, bairro Coroado.

No dia 22 de julho a Polícia Civil, divulgou a imagem de ‘Jerry’ com intenção de prender o suspeito, porém, até o momento, ele não foi encontrado. Segundo a delegada, a equipe de investigação do 11º DIP, continua tentando localizar o suspeito.

Conforme Joyce Viana, no dia em que o crime aconteceu, a vítima teria tentado apartar uma briga entre seus dois filhos. Na ocasião, Erinilson e o irmão travaram luta corporal após um desentendimento.

“A vizinha deles esteve na casa de Joana para relatar que a filha teve objetos furtados por Erinilson. O irmão do infrator então foi atrás dos pertences da garota e assim que os achou devolveu à vizinha. Erinilson, ao tomar conhecimento do que estava acontecendo, começou a agredir o irmão e a mãe deles tentou apartar a briga. Armado com uma faca, Erinilson acabou golpeando a própria mãe no pescoço e no tórax”, explicou a delegada.

A vítima ainda foi levada com vida ao Hospital e Pronto-Socorro Doutor João Lúcio, também na Zona Leste, mas não resistiu aos ferimentos e morreu.

Quem tiver informações que levem ao paradeiro de Erinilson, pode entrar em contato com os policiais civis do 11º DIP pelos números: (92) 3214-1251 ou 3644-3606 ou pelo 181 o disque-denúncia da Secretaria de Segurança Pública do Estado do Amazonas. A Polícia Civil assegura o sigilo da identidade dos informantes.

Por equipe EM TEMPO Online

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir