Dia a dia

Homem é preso por envolvimento na morte de ex-presidiário em estacionamento de shopping

Tiago foi autuado por homicídio qualificado. Após os procedimentos será levado para a Cadeia Pública - foto: divulgação/PC

Tiago foi autuado por homicídio qualificado. Após os procedimentos será levado para a Cadeia Pública – foto: divulgação/PClicia

Thiago do Amaral Feitoza da Silva, 25, foi apresentado na manhã desta segunda-feira (1) na sede da Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS), por envolvimento na morte do ex-presidiário Heberson Monteiro Lopes, 26, conhecido como ‘Pesadelo’, ocorrida no último dia 27 julho, no estacionamento do Studio 5 Shopping, situado no bairro Crespo, Zona Sul de Manaus.

O suspeito foi preso um dia após o crime, por volta das 16h, na casa onde mora, localizada na rua Araci, também no bairro Crespo.

Segundo informações do delegado Ivo Martins, titular da DEHS, Thiago atraiu a vítima para o estacionamento do shopping com a justificativa que iria lhe vender uma arma de fogo, porém, quando Heberson chegou ao local foi abordado pelos comparsas do suspeito, identificado como Gabriel Fernandez da Silva e Valcy Batista dos Santos, que seguem foragidos.

Ainda conforme o delegado, Thiago, Gabriel e Valcy são integrantes da facção criminosa Família do Norte (FDN) e ‘pesadelo’ fazia parte da facção rival Primeiro Comando da Capital (PCC) e, por conta disso, o ex-presidiário já teria ameaçado os três suspeitos de morte.

As equipes de investigação da DEHS chegaram até Thiago após analisarem as imagens das câmeras de segurança do shopping e identificarem ele os outros dois comparsas. No celular da vítima foram encontradas mensagens do suspeito marcando encontro com a vítima no local do crime.

Durante a coletiva, Thiago disse que ele era ameaçado por ‘pesadelo’ desde de quando ele tinha 16 anos, por conta de uma briga com um primo da vítima, identificado somente como Rafael, conhecido como ‘Peru’.

Heberson respondia uma ação penal pelo crime de homicídio simples na 2ª Vara do Tribunal do Júri do Fórum Henoch Reis e estava cumprindo pena em regime semiaberto desde o dia 31 de maio deste.
Tiago foi autuado por homicídio qualificado. Após os procedimentos será levado para a Cadeia Pública Desembargador Raimundo Vidal Pessoa, no Centro da cidade.

Por equipe EM TEMPO Online

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir