Dia a dia

Homem é preso com dez quilos de skunk no bairro Terra Nova

Com ele, foram encontrados com cerca de 10 quilos de skunk - foto: divulgação

Com ele, foram encontrados com cerca de 10 quilos de skunk – foto: divulgação

Alessandro Barreto Braga, 27, conhecido como ‘Careca’, foi apresentado nesta segunda-feira (11), na Delegacia Geral, zona Centro-Oeste. O homem foi preso na tarde de ontem (10), no Bairro Terra Nova, suspeito de envolvimento com o tráfico de drogas na cidade. Com ele, foram encontrados com cerca de 10 quilos de skunk.

De acordo com o diretor do Departamento de Investigação sobre Narcóticos (Denarc), Paulo Mavignier, a prisão de ‘Careca’ foi efetuada depois de 30 dias de investigações, iniciadas após o recebimento de denúncia anônima feita à equipe do departamento, informando que três pessoas, dentre elas Alessandro, utilizavam uma quitinete situada na Rua Rio Solimões, bairro Colônia Terra Nova, zona Norte, para armazenar drogas.

“Nossa equipe passou a monitorar a movimentação no lugar indicado. No momento da abordagem policial não encontramos no apartamento as pessoas delatadas. Por ser uma quitinete alugada, a proprietária do imóvel autorizou a nossa entrada”, esclareceu Mavignier.

No local os policiais civis encontraram escondidos em uma mala, 11 tabletes de substância entorpecente com aspecto de maconha do tipo skunk, totalizando cerca de 10 quilos da droga. Também foram achados na quitinete documentos pessoais de Alessandro, de um colombiano e de uma mulher, que tiveram as identidades preservadas pela autoridade policial para não atrapalhar o andamento das investigações.

Paulo Mavignier informou que em ato contínuo os investigadores do Denarc consultaram o Sistema Integrado de Segurança Pública (Sisp) e conseguiram obter o endereço da casa da mãe de Alessandro, localizada na Rua Humberto de Campos, bairro São Jorge, zona Oeste da cidade, e, por volta meio-dia de ontem, lograram êxito na prisão do infrator.

“Durante depoimento Alessandro negou ser o dono da mercadoria ilícita. Entretanto, informou que sabia da existência da droga na quitinete alugada por ele. Os dois comparsas de “Careca” estão sendo procurados. Já sabemos que essas pessoas fazem parte de uma conexão de traficantes da Colômbia que está ligada ao crime organizado em Manaus”, explicou o diretor do Denarc.

Alessandro foi autuado em flagrante por tráfico de drogas, crime previsto no Artigo 33 da Lei nº 11.343/06. Na tarde desta segunda-feira “Careca” foi encaminhado à Cadeia Pública Desembargador Raimundo Vidal Pessoa, onde irá permanecer à disposição da Justiça.

Com informações da assessoria

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir