Dia a dia

Homem é executado com 13 tiros no Centro de Jutaí; polícia trabalha com hipótese de acerto de contas

A polícia trabalha com a hipótese de acertos de contas relacionado ao tráfico de drogas - foto: Divulgação

Hugo foi morto com 13 tiros em diversas partes do corpo e a polícia trabalha com a hipótese de acertos de contas – foto: Divulgação

Hugo Barata Marinho, 54, foi encontrado morto nesta terça-feira (11), em sua residência localizada no Centro do município de Jutaí (a 751 quilômetros de Manaus).

De acordo com o sargento Alicatia, da 56º Delegacia Interativa de Polícia de Jutaí (DIP), imagens de segurança de um estabelecimento próximo ao local, mostraram dois homens, ainda não identificados, entrando na casa de Hugo.

Ainda conforme a autoridade policial, a vítima foi morta com 13 tiros em diversas partes do corpo. O sargento trabalha com a hipótese de acertos de contas relacionado ao tráfico de drogas.

O delegado titular do 56º DIP, Genilson Arruda, disse que um suspeito de ter cometido o crime, estava na cidade há cinco dias e, nesse período, alugou uma motocicleta. Segundo o delegado, o infrator teria se hospedado na frente da casa de Hugo e aproveitou a saída da mulher da vítima para a feira e efetuou o crime. O mesmo teria fugido com a motocicleta e posteriormente a abandonado em via pública.

Segundo Genilson, a arma do crime apresenta características de ser usada restritamente pela polícia, devido à forma do cartucho e os vários disparos realizados, mas a perícia ainda está apurando o caso. Ele ainda ressalta que foi encontrado em um pedaço de isopor escrito ‘Cagueta de Polícia’ que poderia indicar o motivo do crime.

Portal EM TEMPO

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir