Dia a dia

Homem é assassinado com facas, pedras e pauladas após ter casa invadida por encapuzados

A esposa da vítima presenciou todo o crime e também foi agredida – Divulgação

Um homem identificado como Dione Penedo Barbosa, de 29 anos, foi brutalmente assassinado na presença de sua esposa, de 20 anos. A vítima teve o crânio esmagado e foi atingida por várias facadas após ter a casa invadida por cinco homens, sendo três encapuzados, na noite desta quarta-feira (9), na rua Belém, comunidade Portelinha, Zona Rural do município de Iranduba.

De acordo com o investigador da Polícia Civil, Mário Figueiredo, o crime aconteceu por volta das 21h30. O casal estava dormindo no quarto quando teve a casa invadida pelos suspeitos. Os criminosos começaram a agredir Dione, que tentou fugir, subiu no telhado da residência e correu para o quintal, onde foi atacado com pedaços de madeira, pedras e a facadas.

A vítima respondia a processos na Justiça por tráfico de drogas e roubo – Divulgação

“A mulher da vítima presenciou todo o crime e contou que quando tentou proteger o marido também foi agredida. Ela estava em estado de choque e não soube informar se ele estava recebendo algum tipo de ameaça. Ela ainda deve prestar depoimento na delegacia”, disse o investigador.

Os suspeitos fugiram sem ser identificados. O corpo da vítima foi removido para o IML na madrugada desta quinta-feira (10).

Segundo a Polícia Civil de Iranduba, Dione já havia sido preso por tráfico, em Manaus, e consta no site do Tribunal de Justiça do Amazonas (Tjam) que a vítima também respondia pelo crime de roubo.

O caso está sendo investigado pela 31ª Delegacia Interativa de Polícia (DIP) em Iranduba.

Daniel Landazuri
EM TEMPO

Leia mais:

Homem fica pendurado em fios de alta tensão ao fazer serviço em rede elétrica na BR-174

Após dois dias da fuga de 34 internos, menor é morto enforcado no Centro Dagmar Feitosa

Mulher é suspeita de matar marido na Zona Leste de Manaus

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais lidas

Subir