Dia a dia

Homem é assassinado com 13 tiros, na Zona Norte

O estudante Júlio Barrão Frota, 18, foi morto com 13 tiros na noite desse sábado (3), dentro de uma residência localizada na comunidade Raio do Sol, bairro Francisca Mendes, Zona Norte de Manaus.

Segundo a mãe da vítima, a feirante Dulcicléia Barão, 40, o filho tinha ido visitar a irmã dele, quando dois homens entraram na residência e efetuaram os disparos contra ele. Os tiros atingiram a cabeça, barriga e o pé do estudante que não resistiu aos ferimentos e morreu no local.

Ainda segundo a feirante, o jovem não tinha envolvimento com o tráfico de drogas e foi morto por engano. “Meu filho não era envolvido com o tráfico. Ele foi morto por engano. Quando os bandidos saíram da casa falaram um para o outro  que haviam matado o cara errado,” disse a mulher.

A polícia trabalha com a hipótese de acerto de contas, já que o crime tem características de execução. O corpo foi removido pelo Instituto Médico Legal (IML), onde passou por exames de necropsia.

O caso será investigado pela Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS). Até o momento, nenhum dos suspeitos foi localizado.

Por Mara Magalhães

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir