Esportes

Guilherme volta a ser titular após dois meses, marca e Corinthians vence

Corinthians vence Santa Cruz no Itaquerão, com exibição de gala do atacante Guilherme - foto: Daniel Augusto Jr.

Corinthians vence Santa Cruz no Itaquerão, com exibição de gala do atacante Guilherme – foto: Daniel Augusto Jr./Ag. Corinthians

Após quase dois meses sem entrar em campo, o meia Guilherme foi improvisado no ataque do Corinthians, nesta quarta (12), e marcou dois dos quatro gols na vitória sobre o Santa Cruz por 4 a 2 pela 30ª rodada do Brasileiro.

Contratado no início do ano, o jogador chegou para substituir Jadson, que foi para a China após o título do Nacional do ano passado. Ele herdou a camisa 10, mas não supriu a ausência do armador.

Com o técnico Tite, Guilherme foi titular em praticamente todas as partidas do início do ano, inclusive as da Libertadores.

O rendimento caiu e o treinador mudou seu posicionamento. Com mais liberdade para ir ao ataque, ele retomou o bom futebol e se tornou titular absoluto.

Quando vivia seu melhor momento com a camisa corintiana, Cristóvão Borges assumiu o comando do time. Em seu segundo jogo à frente da equipe, o técnico o colocou no banco.

A insatisfação pela reserva foi exposta publicamente e sua situação dentro do clube ficou complicada. As lesões também foram empecilhos para uma sequencia no time.

Com as ausências de Romero, que foi convocado pelo Paraguai para a disputa das eliminatórias da Copa, e com Gustavo lesionado, Carille promoveu Guilherme como titular no ataque e ele não decepcionou.

Aos 37 min do segundo tempo, fez o gol de empate oito minutos após Grafite abrir o placar para o Santa Cruz, e também fez o terceiro, aos 9 min da etapa final.

Marlone, aos 2 min, e Lucca, aos 46 min do segundo tempo marcaram os outros gols do clube paulista. Keno descontou para os mandantes, aos 35 min.

A vitória pode ter sido a primeira e a última de Carille no Brasileiro após a saída de Tite. O atual treinador deve dar lugar a Oswaldo de Oliveira e retornar ao cargo de assistente técnico.

Santa Cruz

Edson Kölln; Léo Moura, Neris, Danny Morais e Roberto; Uilllian Correia, Jadson (Marion) e João Paulo (Wagner); Arthur, Keno e Grafite (Bruno Moraes). T.: Doriva

Corinthians

Walter; Léo Príncipe, Pedro Henrique, Balbuena e Uendel; Camacho (Willians); Marquinhos Gabriel, Rodriguinho, Giovanni Augusto (Cristian) e Marlone; Guilherme (Lucca). T.: Fábio Carille

Estádio: Arena Pantanal, em Cuiabá
Árbitro: Grazianni Maciel Rocha (RJ)
Gols: Grafite, aos 29, e Guilherme, aos 37 min do 1º tempo; Marlone, aos 2, Guilherme, aos 9, Keno, aos 35, e Lucca, aos 46 min do 2º tempo
Cartões amarelos: Neris, Wagner (S), Willians e Marquinhos Gabriel (C)

Por Folhapress

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir