Mundo

Grevistas na França paralisam serviço de balsas para o Reino Unido

Trabalhadores franceses de um serviço de balsas voltaram a paralisar nesta segunda-feira (29) o porto de Calais, impedindo viagens entre a França e o Reino Unido.

Os grevistas da ‘MyFerryLink’, que na semana passada queimaram pneus e bloquearam o acesso ao Eurotúnel (via submarina sob o Canal da Mancha), protestaram novamente nesta segunda após uma decisão judicial sobre o futuro da empresa, ameaçando seus empregos.

Segundo sindicalistas e autoridades portuárias, os grevistas impediram o acesso aos barcos durante a tarde, provocando um congestionamento de carros e caminhões na estrada para o Eurotúnel.

Diferentemente da semana passada, o protesto desta segunda não paralisou as viagens do ‘Eurostar’, trem que liga os dois países.

A ‘MyFerryLink’ e outras empresas de balsas alertaram os seus passageiros sobre a paralisação e orientaram que remarcassem suas viagens.

O sindicato se opõe aos planos de venda de duas das três balsas de passageiros da ‘MyFerryLink’ para a empresa dinamarquesa DFDS e de converter a terceira em balsa de carga, o que levaria a demissões.

Por Folhapress

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir