Esportes

Grafite marca golaço na volta do Santa Cruz à Série A

No retorno à Série A depois de 10 anos, o Santa Cruz estreou no Campeonato Brasileiro com uma goleada de 4 a 1 sobre o Vitória, neste domingo (15), no estádio do Arruda, no Recife.

O Santa Cruz abriu o placar com um golaço do atacante Grafite. Ele recebeu na área, deu um corte no primeiro marcador, driblou o jogador que fazia a cobertura e apenas tocou na saída do goleiro do Vitória. O jogador também marcou o segundo gol aproveitando cruzamento da esquerda e finalizando de cabeça.

“Nem o mais otimista esperava uma vitória por 4 a 1 depois de 10 anos”, afirmou Grafite em entrevista ao Sportv depois do apito final.

Foi um ótimo começo para um clube rebaixado em 2006. Na década que esteve fora da elite do Brasileiro, o Santa Cruz chegou a cair para Série D. O time começou sua ascensão em 2011, quando foi vice-campeão da quarta divisão. A equipe é a atual campeão pernambucano com vitória sobre o Sport na final.

Os torcedores que compareceram ao Arruda comemoraram pela primeira vez aos 28min quando Grafite fez o golaço. O lance mudou o andamento do confronto que até então tinha o Vitória melhor. O atacante ampliou no final do primeiro tempo. Os visitantes diminuíram aos 34min do segundo tempo. Fernando Gabriel aos 39min e Keno, de pênalti, aos 41min definiram o placar.

O Santa Cruz tentará manter a boa fase jogando fora de casa contra o Fluminense no próximo sábado (21). O Vitória buscará a reação diante da torcida no domingo (22), quando enfrenta o Corinthians.

SANTA CRUZ

Tiago Cardoso; Vítor, Néris, Danny Morais e Tiago Costa; Wellington César, Uillian Correia, Fernando Gabriel, Arthur (Wallyson, 17/2T) e Keno (Alemão); Grafite (Bruno Moraes).

T.: Milton Mendes

VITÓRIA

Fernando Miguel, José Welison, Victor Ramos, Ramon e Diego Renan; Amaral, Marcelo (Alípio), Tiago Real e Leandro Domingues (Willian Henrique); Vander (David) e Kieza.

T.: Vagner Mancini

Local: Arruda, no Recife (PE)

Árbitro: Pablo dos Santos Alves (PB)

Auxiliares: Fábio Pereira e Esdras Mariano de Lima Albuquerque

Renda e público: R$ 250.150,00 / 20.038 pagantes

Cartões Amarelos: Wellington César, Grafite, Tiago Cardoso (STA)

Cartões Vermelhos: Não houve

Gols: Grafite, aos 28min do 1º tempo, Grafite, aos 43min do 1º tempo, Kieza, aos 34min do 2º tempo, Fernando Gabriel, aos 39min do 2º tempo e Keno, aos 41min do 2º tempo

Por Folhapress

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir