Política em Foco

Graduação para industriários

contexto-sindicato
Até o final deste mês, os industriários terão acesso a cursos de qualificação com os menores preços do mercado. É o que garante o presidente do Sindicato dos Metalúrgicos, Valdemir Santana. Segundo ele, para driblar a crise e barrar as demissões, o sindicato também está fechando uma parceria com a Universidade de Santa Cecília, em Santos, e a Fundação Centro de Análise, Pesquisa e Inovação Tecnológica (Fucapi) para ofertar graduação à distância aos industriários no Amazonas. As aulas serão ministradas em 22 salas, que devem ser inauguradas ainda este mês, na sede do Sindicato, em Manaus.

Qualificar para ficar

A meta do Sindicato é qualificar o máximo de industriários possível para evitar as demissões no Polo Industrial de Manaus (PIM). A iniciativa está sendo vista com bons olhos pelos trabalhadores e já foi intitulada de “Universidade do Trabalhador”. Será?

Visita técnica

Nesta semana, representantes do Ministério da Educação (MEC) estiveram em Manaus e deram o ‘OK’ para a estrutrura apresentada pelo Sindicado. É esperar para ver…

Cunho político?

Vale lembrar que Valdemir Santana é presidente do PT no Amazonas. O partido já declarou que terá pré-candidato à Prefeitura de Manaus.

Sem partidarismo

Em busca de soluções para os problemas administrativos e econômicos, o governador José Melo (Pros) disse que no Executivo estadual não há mais espaço para partidarismo. Melo tem afirmado que as políticas que tem lançado são de Estado, que as ações não são mais atreladas as secretarias ou órgãos da administração indireta, mas sim de governo. Então tá.

Corrida eleitoral interna

O Tribunal de Justiça do Amazonas (Tjam) publicou, ontem, o edital para substiuição dos desembargadores Socorro Guedes e Mauro Bessa no Tribunal Regional Eleitoral do Amazonas (TRE-AM). Eles ocupam, respectivamente, a presidência e vice-presidência da corte eleitoral, com mandatos até o dia 8 de maio.

Foi dada a largada!

Com a publicação do edital, os desembargadores interessados na vaga têm 15 dias para entregar a documentação necessária no Setor de Protocolo Administrativo do Tjam. Internamente, os desembargadores articulam um acordo: Yêdo Simões assume a presidência do TRE-AM e abre mão da disputa à presidência do Tjam para o desembargador Flávio Pascarelli.

Autorização antecipada

Pascarelli, que é corregedor do Tjam, determinou, ontem, que os servidores que atuem nos serviços extrajudiciais comuniquem os afastamentos das sedes das comarcas do Estado com antecedência de, no mínimo, 48 horas. A intenção é manter os serviços em pleno funcionamento.

Sugestões:
ccavalcante16@gmail.com
99229-2981/3090-1044

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir