Mundo

Governo alemão pede mais segurança para investidores no Brasil

O vice-ministro das Finanças da Alemanha, Jens Spahn, disse que a economia brasileira precisa criar um ambiente que transmita mais segurança visando atrair investidores estrangeiros.

“Nós precisamos ter certeza do que diz respeito a cobrança de impostos, por exemplo, e de taxas de retorno. Mas o que é importante é a informação regulatória”, afirmou Spahn, após ser recebido pelo ministro da Fazenda, Joaquim Levy.

Spahn admitiu que o momento da economia do Brasil não é bom, mas se mostrou interessado em projetos do governo federal.

“A economia brasileira obviamente está em uma situação em que precisa melhorar. Claro que precisa de mais investimentos. Fiquei muito impressionado com o projeto do governo, de investimentos em todo o país em novas estradas, é algo realmente impressionante pelo tamanho”, disse.

O representante do governo alemão disse ainda que gostaria de mais informações sobre regulações de contratos e manifestou o desejo de que mais empresas da Alemanha invistam no Brasil.

“É preciso ter um arcabouço, uma estrutura mais interessante para investir”, destacou.

Empresas e representantes dos dois países devem realizar mais reuniões de intercâmbio de informações, mas ainda não há um cronograma estabelecido para os encontros.

Por Folhapress

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir