Dia a dia

Gestores assinam pacto pela melhoria e qualidade da educação

Kátia Shcweickardt, destacou o compromisso e postura de toda a equipe da Semed de buscar a melhoria desses índices – Lton Santos/Semed

Diretores das escolas municipais de Ensino Fundamental assinaram, nesta quinta-feira (26), o Pacto pela Melhoria e Qualidade da Educação Pública Municipal de Manaus. O documento visa garantir educação básica de qualidade, assegurando o acesso, a inclusão, a permanência e a formação dos estudantes para que as escolas públicas municipais alcancem bons resultados em avaliações de desempenho como a Prova Brasil, um dos componentes para o cálculo do Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb). O evento ocorreu no auditório da Secretaria Municipal de Educação (Semed).

A Semed em 2017 deseja ser referência nacional em educação básica pela excelência no desempenho dos alunos do município de Manaus. A meta é alcançar 95%, ou seja, crescer 7% na rede municipal, superando os 88% de 2015, mas ainda não computados os resultados de 2016.

A cidade de Manaus, no Ideb de 2015, ficou em 13º lugar nos anos iniciais (1º ao 5º ano), com média de 5,4. A meta para 2017 é alcançar a média de 6,2. Já nos anos finais (6º ao 9º ano), a secretaria saiu do 18º lugar para 11º lugar em 2015, com média de 4,3 e tem como objetivo para 2017, chegar a 4,9.

No evento, a secretária Kátia Shcweickardt, destacou o compromisso e postura de toda a equipe da Semed de buscar a melhoria desses índices. “Apesar de todos os desafios, temos um potencial que está centrado na força, compromisso, competência de nossos professores, gestores e no olhar cuidadoso com nossos alunos no envolvimento das famílias e das comunidades. A Semed está bem organizada, nós temos metas arrojadas para esse ano, pois temos que crescer 15% no Ideb. Vamos trabalhar duríssimo para isso”, explicou.

Durante a assinatura do termo, onde constam as metas a serem cumpridas pela rede municipal de ensino em 2017, também foram apresentadas aos gestores as orientações para alcançar os resultados esperados, desenvolvendo competências e habilidades adequadas às transformações sociais, bem como a valorização dos profissionais da educação.

Para o diretor Domingos Sávio, da Escola Municipal Edinir Telles Guimarães, localizada no bairro Jorge Teixeira, Zona Leste de Manaus, mesmo com cerca de 900 alunos do 6º ao 9º ano do Ensino Fundamental e da Educação de Jovens e Adultos (EJA) nos três turnos, alcançar a meta proposta pela Semed não será difícil.

“Com a união de todos nós temos condições de alcançar essa meta de um modo geral. Em relação a nossa escola, nós temos um Ideb de 5,3 e a meta é chegar a 5,9. Estamos trabalhando nesse sentido, pois esse ano é de desafio, mas o planejamento está sendo bem montado, será socializado com todos os professores, alunos, funcionários de um modo geral, para buscarmos esses índices”, destacou.

Com a média de 6,2, a Escola Municipal José Marques de Almeida, situada na AM 010, Km 17, Ramal do Acará, foi a melhor unidade de ensino da zona Rural no último Ideb. Segundo o diretor, Juarez Evangelista Rodrigues, todo trabalho será realizado para contemplar da melhor maneira possível os cerca de 160 alunos, entre do 2º período da educação infantil e do 1º ao 5º ano.

“Nós já estamos trabalhando desde o ano passado, porque esse resultado nós alcançamos em seis anos. Preparamos nossos alunos do 4º ano com perspectiva para que possamos receber os alunos novatos e construir com eles resultados que superem também essa nossa proficiência de 2015”.

Com informações da assessoria

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais lidas

Subir