Esportes

Garoto de 9 anos bate recorde no Campeonato Amazonense de Arrancada

Hiago é filho do também piloto Thiago Fabrício e mostra que esporte está no DNA da família - foto: divulgação

Hiago é filho do também piloto Thiago Fabrício e mostra que esporte está no DNA da família – foto: divulgação

Disputas acirradas, show de velocidade e cinco quebras de recordes foram os destaques da segunda etapa do Campeonato Amazonense de Arrancada, realizada no último fim de semana, na pista Amazonas Dragway, localizada na estrada do município de Iranduba. A grande sensação foi o piloto Hiago Fabrício, de apenas 9 anos. Ele fez história ao bater o recorde da categoria “Dragster Junior” em sua corrida de estreia.

Sem nunca ter pilotado um carro de arrancada, Hiago encarou a disputa com pilotos experientes, em um Dragster rosa, emprestado de sua prima, Maria Fernanda. O incentivo veio do pai, o piloto Thiago Fabrício, e da tia, Márcia Cordova, que apostaram no talento do menino que já demonstrava habilidade ao dirigir quadriciclos.

A conquista do recorde, com tempo de 11s435, veio na quarta e última bateria, ao superar a marca de 11s885, da atual líder da categoria, Juliane Bento, de 10 anos. O clima de festa tomou conta dos boxes, onde Hiago foi recebido pelos membros da sua equipe, a “TR”, e por familiares.

“A equipe ficou muito feliz e surpresa com esse resultado, pois foi a estreia do Hiago na competição. Agora vamos investir junto ao Thiago (pai) para que ele tenha o próprio Dragster e possa seguir na disputa”, disse um dos líderes da “TR”, Waistten Matos.

Ainda emocionado com a vitória, Hiago confidenciou as dicas que ouviu antes de entrar na pista. “A minha equipe pediu que eu pisasse fundo no acelerador e segurasse firme no volante. Agradeço a eles e a minha família que me incentivaram a correr hoje”, disse.

Resultados

Além da “Dragster Junior”, outras quatro categorias registraram novos recordes. No primeiro dia, Janilson Gonçalves, da equipe amazonense “Marabá Motorsport”, quebrou o próprio recorde na “Street 446 Light”. Na categoria “Standard”, o posto de recordista foi assumido pelo piloto Márcio Vieira, da “310 Racing Team”.

No segundo dia de competição, o piloto Maicon Canesin, com o tempo de 10s333, bateu o recorde da categoria “Dianteira Turbo B”. Na categoria “Street Tração Traseira”, Thiago Guedes, da equipe “Maurício Racing” fez o tempo de 11s833 e quebrou o próprio recorde do dia anterior.

 

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir