Esportes

Gabriel Jesus marca dois, e Palmeiras elimina o Cruzeiro

os 18 anos, Gabriel Jesus deu três motivos para o torcedor palmeirense comemorar o 101º aniversário do clube nesta quarta-feira (26). Com uma atuação impecável, o jovem atacante deu uma linda assistência para Lucas Barrios e marcou dois gols na vitória sobre o Cruzeiro por 3 a 2, no Mineirão, pelo jogo de volta das oitavas de final da Copa do Brasil.

Como já havia vencido a partida de ida por 2 a 1 em São Paulo, o Palmeiras garantiu uma classificação tranquila para as quartas de final. O chaveamento da próxima fase da competição será definido por um novo sorteio.

O terceiro gol palmeirense na partida foi o que teve mais o brilho individual de Gabriel Jesus. O atacante que atua na seleção de base cortou duas vezes o goleiro Fábio antes de rolar a bola para o gol. Além disso, participou do lance em que o zagueiro Bruno Rodrigo foi expulso, quando o jogo ainda estava 1 a 0.

O jogo

Gabriel Jesus foi o centro das atenções desde o anúncio da escalação do técnico Marcelo Oliveira. Rafael Marques ficou no banco e o atacante formou a linha ofensiva com Dudu e Lucas Barrios.

E foi em uma jogada dele com o argentino naturalizado paraguaio que o Palmeiras abriu o placar, aos 8min. Gabriel Jesus recebeu o passe dentro da área e, com somente um toque, ajeitou para Lucas Barrios marcar seu primeiro gol com a camisa do Palmeiras.

A situação ficou ainda mais favorável aos visitantes a partir dos 24min, quando Bruno Rodrigo, último homem na linha de defesa, derrubou Gabriel Jesus antes de o atacante invadir a área e foi expulso.
Três minutos depois, o melhor jogador da partida chegou ao seu gol. Egídio cruzou da esquerda e Gabriel Jesus apareceu com muita velocidade para completar de primeira.

O gol mais bonito do jogo ficou guardado para os 32min. Gabriel Jesus se antecipou a Paulo André com apenas um toque, invadiu a área e cortou duas vezes o goleiro Fábio antes de completar para as redes.

A reação cruzeirense teve início aos 38min. Leandro Damião deu uma cavada na bola para a área e encontrou Vinícius Araújo, que precisou chutar duas vezes para marcar. Fernando Prass salvou a primeira, mas não evitou o gol no rebote.

Se o primeiro tempo foi de muita velocidade e alternativas para as duas equipes, a segunda etapa se apresentou de maneira oposta. O Palmeiras trocava passes no meio de campo e o Cruzeiro assistia passivamente.

Nem o segundo gol cruzeirense deu ânimo à equipe. Aos 28min, João Pedro levantou demais a perna e derrubou Arrascaeta na área. Alisson deslocou Fernando Prass e diminuiu o placar, dando números finais ao jogo.

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Quis autem vel eum iure reprehenderit qui in ea voluptate velit esse quam nihil molestiae consequatur, vel illum qui dolorem?

Temporibus autem quibusdam et aut officiis debitis aut rerum necessitatibus saepe eveniet.

Copyright © 2016 EM TEMPO Online. Todos Os Direitos Reservados.

Subir