Mundo

França confirma que fragmento encontrado no Índico é do voo MH370

O fragmento encontrado na costa na ilha Reunião, no oceano índico, foi oficialmente identificado como parte do Boeing 777 da Malaysia Airlines que fazia o voo MH370 e desapareceu no percurso.

A peça, conhecida como flaperon, foi recolhida no último dia 29 e levada à França para perícia. Autoridades da Malásia haviam dito que a cor da tinta e os relatórios de manutenção atestavam que ela provinha da aeronave, cujo paradeiro é desconhecido desde 8 de março de 2014.

Apesar disso, apenas nesta quinta (3) os técnicos da França confirmaram a versão malaia sobre a procedência do destroço, por meio de um dos números gravados nele.

“É, portanto, possível confirmar com certeza que o flaperon encontrado em Reunião em 29 de julho de 2015 corresponde ao do Boeing 777 [que fazia o voo] MH370”, diz o promotor do caso, em nota.

O avião desapareceu com 239 pessoas a bordo, a maioria das quais chineses, após decolar de Kuala Lumpur em direção a Pequim.

 

Por Folhapress

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir