Sem categoria

Focos de incêndio com características criminosas comprometem a área rural do município de Barcelos

As suspeitas são de incêndio criminoso - foto - Leitor Em Tempo

As suspeitas são de incêndio criminoso – foto – Leitor Em Tempo

Uma área de 500 mil hectares, aproximadamente três quilômetros de extensão na Zona Rural do município de Barcelos vem sofrendo há três dias como focos de incêndios de causas desconhecidas. De acordo com o assessor do prefeito do município identificado como Pedro Benevides, os focos de incêndio iniciaram na quarta-feira (15).

Pedro salientou ainda que os primeiros focos foi possível a população da localidade controlar, mais a defesa civil do município montou uma força tarefa envolvendo diversos órgãos do município e do Estado para tentar conter os focos que causa muita fumaça e mal cheiro.

“Estamos fazendo o que podemos para conter os focos de incêndio, mas, está complicado, pois, desconhecemos a origem do sinistro. Já acionamos a Polícia Civil para investigar, desconfiamos que pessoas mal intencionadas estejam fazendo isso”, ressalta o assessor

Diante a possibilidade de os focos de incêndio se tornarem um incêndio de grande proporção e se alastrar para outras áreas do município, a Defesa Civil de Barcelos solicitou apoio do batalhão de Corpo de Bombeiros do Estado do Amazonas, que imediatamente enviou na tarde desta sexta-feira (15) uma equipe com cinco bombeiros sob o comando do tenente Márcio Lima.

A equipe de bombeiros vai equipada com abafadores, bomba costais, equipamentos d e proteção individual, entre outros, que chegarão  ainda hoje  no município onde coordenarão os voluntários brigadistas da região, juntando esforços para contornar essa situação. Na manhã de sábado (16), mais seis bombeiros partirão em apoio, dessa vez ,por meio aquático.

Ao todo, serão 11 Bombeiros que atuarão no combate ao incêndio florestal.

 

Por equipe EM TEMPO Online

 

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir