Esportes

Fluminense bate Vasco no Engenhão e mantém rival na lanterna do Brasileiro

O Fluminense conseguiu uma importante vitória por 1 a 0 sobre o Vasco na noite deste domingo (1º), no Engenhão. Além de praticamente afastar as possibilidades de rebaixamento, o time manteve o rival na última colocação do campeonato.

Gerson marcou o único gol do jogo, já nos acréscimos do primeiro tempo. No lance, o jogador completou cruzamento de Gustavo Scarpa, que desceu em velocidade pelo lado esquerdo.

Na etapa final, o Vasco teve duas grandes chances, mas não conseguiu empatar. Primeiro, Wellington Silva salvou em cima da linha. Na sequência, Riascos acertou a trave.

Com o resultado, o Vasco ainda perdeu uma invencibilidade de nove jogos no Campeonato Brasileiro. O último revés ocorreu na 23ª rodada, quando o Atlético-MG fez 2 a 1 no Maracanã. Depois, a equipe vascaína venceu quatro jogos e empatou outros cinco.

Na próxima rodada, o Vasco, que agora está cinco pontos do primeiro time fora da zona de rebaixamento (o Avaí), enfrenta o Palmeiras em São Paulo. Já o Fluminense recebe a Chapecoense no Maracanã.

O JOGO

O Fluminense chegou ao ataque logo no primeiro minuto, após cruzamento da direita. A zaga do Vasco, porém, conseguiu afastar o perigo antes da conclusão de Osvaldo.

Aos 12 min, o time vascaíno concluiu pela primeira vez. Nenê cobrou escanteio pela direita, Jorge Henrique desviou na primeira trave e quase fez.

Quatro minutos depois, Gerson avançou pela esquerda e cruzou para Vinicius na entrada da área. A conclusão, entretanto, parou na zaga do Vasco.

Aos 20, o Fluminense perdeu a melhor chance: Gum cabeceou para a defesa de Martin Silva. No rebote, Gerson bateu fraco. Aos 32, Rodrigo cobrou falta de longe e viu Cavalieri espalmar para escanteio.

No último lance do primeiro tempo, o Fluminense marcou o primeiro gol: Gustavo Scarpa avançou pelo lado direito e cruzou rasteiro para Gerson bater cruzado no canto.

No segundo tempo, o Fluminense quase marcou o segundo gol aos 7 min, após Gerson ser lançado na área. No lance, Martin Silva saiu bem do gol e afastou a bola da área.

Três minutos depois, Vinícius cruzou e Gustavo Scarpa cabeceou por cima do gol. Na sequência, Vinícius cobrou falta direto e obrigou o goleiro vascaíno a espalmar a bola.

Aos 22, o Vasco quase conseguiu empatar a partida, mas Wellington Silva salvou em cima da linha a conclusão de Nenê na área.

O time vascaíno ainda mandou uma bola na trave aos 31 minutos, depois de Riascos completar cruzamento de Nenê de cabeça.
Nos acréscimos, Nenê quase marcou um gol olímpico, mas Cavalieri salvou o Fluminense. No contra-ataque, Magno Alves perdeu chance frente a frente com Martin Silva –a defesa vascaína conseguiu travar o chute.

VASCO
Martin Silva; Madson, Rodrigo, Luan e Julio Cesar; Bruno Gallo, Julio dos Santos (Eder Luís), Andrezinho e Nenê; Jorge Henrique (Rafael Silva) e Leandrão (Riascos)
T.: Jorginho

FLUMINENSE
Diego Cavalieri; Jean, Gum, Marlon e Wellington Silva; Pierre, Cícero, Gerson (Wellington Paulista), Gustavo Scarpa e Vinícius (Higor Leite); Osvaldo (Magno Alves)
T.: Eduardo Baptista

Estádio: Engenhão, no Rio
Público/renda: 11.957 pagantes / R$ 406.270,00
Árbitro: Luiz Flavio de Oliveira (SP)
Cartões amarelos: Gum, Higor Leite, Osvaldo, Wellington Paulista e Pierre (F); Bruno Gallo e Eder Luís (V)
Cartão vermelho: Higor Leite (F)
Gol: Gerson, aos 47 min do 1º tempo

Por Folhapress

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir