Sem categoria

Flanelinha é morto a tiros, após arrombar carro de ‘cliente’, no Centro de Manaus

A perícia criminal identificou que a vítima foi atingida por um tiro que acertou suas costas - foto: Josemar Antunes

A perícia criminal identificou que a vítima foi atingida por um tiro que acertou suas costas – foto: Josemar Antunes

O limpador de carros (flanelinha) Bruno Pereira dos Santos, o ‘Bruninho’, 21, foi morto no fim da manhã desta sábado (26), por volta das 11h, na rua dos Barés, no Centro de Manaus. Ele invadiu um estabelecimento comercial no Mercado Municipal Adolpho Lisboa, para pedir ajuda, mas não resistiu e morreu no local.

Segundo informações do sargento da Polícia Militar da 24ª Companhia Interativa Comunitária (Cicom), identificado apenas como Denilson, a vítima foi baleada nas mediações da feira da Manaus Moderna, por homem desconhecido, que fugiu após efetuar os disparos de arma de fogo.

O Serviço de Atendimento Médico de Urgência (Samu) ainda chegou a ir ao local, mas a vítima já estava morta.

“Os populares informaram que a vítima havia arrombando um veículo. O proprietário flagrou e atirou várias vezes em direção a Bruno, que chegou a correr para escapar dos tiros, mas foi baleado e não resistiu aos ferimentos”, explicou o sargento.

Conforme o sargento, ‘Bruninho’ era conhecido na área por praticar roubos e assaltos nas imediações do mercado municipal.

A perícia criminal identificou que a vítima foi atingida por um tiro que acertou suas costas. Familiares da vítima não quiseram comentar sobre o crime.

O homem que atirou não foi identificado, segundo a polícia, mas imagens de câmeras do circuito do Centro Integrado de Operações de Segurança (CIOPS) ajudarão nas investigações.

O Instituto Médico Legal (IML) fez a remoção do corpo do flanelinha.

O caso foi registrado no 1º Distrito Integrado de Polícia (DIP), mas as investigações serão realizadas pela equipe da Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS).

Por Josemar Antunes

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir