Esportes

Flamengo perde do Vasco e mantém freguesia em 2015

Atacante Jorge Henrique foi incansável durante toda a partida e sua entrega foi coroada com gol – foto: Ide Gomes/Frame

Atacante Jorge Henrique foi incansável durante toda a partida e sua entrega foi coroada com gol – foto: Ide Gomes/Frame

Rio de Janeiro (RJ) –  O Vasco seguiu o roteiro da semifinal do Campeonato Carioca e do encontro no primeiro turno do Campeonato Brasileiro.

Na noite de ontem (19), o Cruz-Maltino se recuperou dos últimos maus resultados e bateu o Flamengo por 1 a 0, no Maracanã. O gol do atacante Jorge Henrique deixou o time de São Januário dependente de um empate na partida de volta para avançar às quartas de final da Copa do Brasil. Por sua vez, o Rubro-Negro precisa triunfar por dois gols de diferença para obter a classificação. Vitória por apenas um tento leva a decisão para os pênaltis.

Os rivais decidem a vaga na competição, quarta-feira (26), às 21h (de Manaus), no mesmo local.

No final de semana, Flamengo e Vasco se concentram no Campeonato Brasileiro. O time da Gávea recebe o São Paulo, domingo, às 16h, no Maracanã. Já a equipe de São Januário visita o Goiás, sábado, às 18h30, no Serra Dourada.

O jogo

Os eternos rivais demonstraram muita vontade e abusaram das jogadas violentas nos primeiros minutos do “Clássico dos Milhões”. O clima pesado foi a tônica, mas aos poucos lances de perigo surgiram. Aos 15 minutos de bola rolando, Paolo Guerrero recebeu belo passe de Emerson Sheik e saiu na cara de Martín Silva. O camisa 9 arrematou e o goleiro fez bela defesa para salvar o time vascaíno.

O Vasco respondeu dois minutos depois. O lateral-direito Madson ganhou de Jorge e contou com vacilo de Wallace para ganhar a jogada na ponta do campo e cruzr. Nenê, na pequena área, chutou e César defendeu. Aos 22, Serginho cabeceou e deu um susto nos rubro-negros. O perde e ganha de jogadas seguiu até o final do primeiro tempo e as equipes foram para os vestiários com o placar inalterado.

A partida continuou pegada na segunda etapa, mas o Vasco se apresentou melhor e explorou as falhas da defesa rubro-negra.

Aos sete minutos, Emerson Sheik puxou Anderson Salles na área e os cruz-maltinos reclamaram de um pênalti não marcado. Aos 13, Riascos recebeu na frente de Wallace e esperou a chegada de Jorge Henrique para dar o passe na medida. O camisa 11 completou com categoria e abriu o placar.

Wallace ainda foi expulso aos 24 minutos ao parar um contra-ataque com falta. Desorganizado, o Flamengo não teve força suficiente para buscar o empate e saiu de campo derrotado pelo Vasco pela terceira vez consecutiva na temporada.

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir