Dia a dia

Fiscalização na Faixa Azul será ampliada para mais três vias a partir do dia 22

Condutores e pedestres serão orientados sobre as regras de circulação nas vias com fiscalização da faixa azul - foto: divulgação

Condutores e pedestres serão orientados sobre as regras de circulação nas vias com fiscalização da faixa azul – foto: divulgação

A partir do dia 22 de setembro a prefeitura de Manaus dará início a fiscalização para proibir a circulação de veículos leves na faixa preferencial de ônibus do transporte coletivo das avenidas Torquato Tapajós, Max Teixeira e Noel Nutels, até o Terminal 3, na Cidade Nova, Zona Norte.  As regras de circulação nestas vias são semelhantes as adotadas na faixa azul da avenida Constantino Nery, onde a fiscalização já está em vigor.

A ampliação da faixa azul para outras zonas da cidade foi definida durante audiência de conciliação, do Tribunal de Justiça do Estado do Amazonas (Tjam), no qual se chegou a um cronograma iniciado no último dia 2, com o anúncio da fiscalização por meio de campanha publicitária. Até o dia 22 de setembro, condutores e pedestres serão orientados sobre as regras de circulação nas vias com fiscalização da faixa azul.

De acordo com o Código de Trânsito Brasileiro (CTB), circular na faixa ou pista da esquerda regulamentada como de circulação exclusiva para determinado tipo de veículo é infração gravíssima, com multa no valor de R$ 191,54 e sete pontos na Carteira Nacional de Habilitação. Somente poderão trafegar na ‘faixa azul´ ambulâncias, táxis com passageiros, viaturas da polícia e ônibus do sistema de fretamento e escolar, com passageiros.

Mais rapidez

Inicialmente, 60 ônibus articulados embarcam e desembarcam nas 14 plataformas do BRS (Bus Rapid Service) localizadas na extensão das avenidas Torquato Tapajós, Max Teixeira e Noel Nutels. A ampliação da faixa azul chegará até o Terminal de Integração da Cidade Nova (T3), por onde passam em média 45 mil pessoas em dias úteis.

As linhas que utilizam a faixa azul nas vias onde terá início a fiscalização no próximo dia 22, transportam mais de 1,2 milhões de pessoas mensalmente. A expectativa é que esses usuários sejam beneficiados com a diminuição no tempo de viagem. No trecho da faixa preferencial de ônibus da Av. Constantino Nery a redução do tempo de viagem das linhas foi de 15 a 25 minutos. Com a ampliação da faixa preferencial, esse tempo deve reduzir ainda mais.

“Os usuários conseguirão chegar muito mais rápido aos seus destinos, pois os ônibus conseguirão cumprir o seu itinerário em menos tempo. A redução do tempo de viagem resulta na diminuição da lotação e do tempo de espera no ponto de parada que é o maior pleito da população que utiliza o serviço”, afirmou Pedro Carvalho, superintendente da SMTU.

Ainda de acordo com Carvalho, a implantação de corredores preferenciais tem embasamento nas legislações federal e municipal de mobilidade. “Ao priorizar o transporte coletivo estamos cumprindo a Lei nº 12.587/2012 e estamos em conformidade com o Plano de Mobilidade Urbana (PlanMob) da cidade, aprovado ano passado. A escolha da faixa azul além de estar fundamentada, constitui-se na medida que melhor se apresenta, no momento, para a nossa cidade, dado o aproveitamento da infraestrutura existente de vias, plataformas e terminais”, explicou Carvalho.

O superintendente da SMTU ainda destaca que as faixas azuis implantadas hoje na cidade têm caráter transitório e que devem caminhar para o BRT, tecnologia indicada nos estudos do PlanMob.

Com informações da assessoria

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir