Cultura

Filme francês ‘Dheepan’, de Jacques Audiard, leva a Palma de Ouro de Cannes

O filme francês ‘Dheepan’, de Jacques Audiard (‘O Profeta’), surpreendeu e foi o vencedor da Palma de Ouro do 68º Festival de Cannes, que acabou neste domingo (24).

Em um festival bastante patriota, o júri liderado pelos americanos Joel e Ethan Coen premiou um filme da casa e ainda deu os prêmios de atuação para atores franceses: Vincent Lindon levou como melhor ator por ‘La Loi du Marché’, de Stéphane Brizé, e ‘Emmanuelle Bercot’ (‘Mon Roi’) dividiu com Rooney Mara (‘Carol’) o prêmio de melhor atriz.

O Grand Prix, considerado o segundo lugar da mostra competitiva, ficou com o favorito ‘Saul Fia’, do húngaro Lászlo Nemes.

Um dos favoritos à Palma de Ouro, ‘A Assassina’ rendeu ao chinês Hou Hsiao-hsien o prêmio de direção, em sua oitava disputa pela Palma de Ouro. Hsiao-hsien estava afastado de longas desde 2007.

‘The Lobster’, do grego Yorgos Lanthimos, levou o prêmio do júri.
Confira a lista dos premiados do festival.
Palma de Ouro – ‘Dheepan’, de Jacques Audiard (França)
Grand Prix – ‘Saul Fia’, de Lászlo Nemes (Hungria)
Melhor diretor – Hou Hsiao-hsien, por ‘A Assassina’ (China)
Melhor ator – Vincent Lindon, por ‘La Loi du Marché’ (França)
Melhor atriz – Rooney Mara (‘Carol’) e Emmanuelle Bercot (‘Mon Roi’)
Melhor roteiro – ‘Chronic’, de Michel Franco (México)
Prêmio do júri – ‘The Lobster’
Caméra d’Or (melhor filme de estreia) – ‘La Tierra y La Sombra’, de César Augusto Acevedo (Colômbia)
Curta – ‘Waves ’98’, de Eli Dagher (Líbano/Catar)

Por Folhapress

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir