Cultura

Filme brasileiro disputa mais uma indicação para prêmio internacional

O filme Que horas ela volta?, de Anna Muylaert, é o indicado brasileiro para disputar uma vaga entre os finalistas da categoria de melhor filme ibero-americano na 30ª edição do Prêmio Goya, concedido pela Academia das Artes e Ciências Cinematográficas da Espanha, segundo informação divulgada nesta sexta-feira (25) pela Agência Nacional do Cinema (Ancine). Os finalistas do Goya serão anunciados até dezembro e a premiação ocorre em fevereiro de 2016.

No dia 10 deste mês, o longa-metragem protagonizado pela atriz Regina Casé foi escolhido por uma comissão especial de seleção coordenada pelo Ministério da Cultura para representar o Brasil na busca por uma indicação ao Oscar de melhor filme em língua estrangeira. A carreira internacional do Que horas ela volta? tem alcançado boa repercussão, com prêmios nos festivais de Sundance, nos Estados Unidos, e de Berlim, na Alemanha.

Para a indicação ao Goya, a comissão de seleção foi integrada por José Francisco Cesar Filho, do Fórum dos Festivais; Roger Lerina Ferreira, da Associação Brasileira dos Críticos de Cinema (Abraccine); Tatiana Leite, do Cinema do Brasil; Jorge Peregrino, da Academia Brasileira de Cinema; e Eduardo Valente, assessor internacional da Ancine. A escolha se deu entre 13 longas-metragens inscritos.

Que horas ela volta? está em cartaz no Brasil há quatro semanas e já foi visto por mais de 250 mil espectadores. De acordo com a Ancine, o filme recebeu recursos do Fundo Setorial do Audiovisual no valor de R$ 1,2 milhão, por meio da chamada Prodecine 02/2013, de apoio à produção cinematográfica via distribuidoras.

 

Por Agência Brasil

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir