Sem categoria

Festa de Pentecostes espera reunir mais de 100 mil fiéis em Manaus

Dom-sérgio

Conforme o arcebispo de Manaus, Dom Sérgio Castriani, o Pentecostes é a festa que comemora o dia em que a igreja nasceu pela força do espírito enviado por Jesus – foto: Asafe Augusto

Com o tema “Espírito Santo, Fonte de Vida e Misericórdia”, a comunidade católica realizará, no próximo dia 15 de maio, a partir das 15h, as festividades de Pentecostes. A expectativa é que o evento reúna 100 mil pessoas no centro de convenções de Manaus, Sambódromo.

Conforme o arcebispo de Manaus, Dom Sérgio Castriani, o Pentecostes é a festa que comemora o dia em que a igreja nasceu pela força do espírito enviado por Jesus. Segundo ele, será um momento de comunhão e alegria entre os fiéis, pois, a igreja é a obra prima do Espírito Santo e isso será expresso com misericórdia. “Deus é misericórdia e amor. A misericórdia salvará o mundo e sem ela não chegaremos a lugar nenhum”, disse o arcebispo ao destacar que Jesus ensinou a ser misericordioso.

Castriani afirmou que a misericórdia passa pela doação. Segundo ele, os fiéis estão convidados a contribuir com um quilo de alimento que será doado a comunidades do interior do Amazonas. “As obras de misericórdia começam em dar pão a quem tem fome. Vamos usar de solidariedade. É claro que não resolve todo o problema, pois estamos em tempos de crise, com muitas pessoas desempregadas. Temos que fazer esse gesto concreto que é um sinal de partilha”, disse o arcebispo.

Neste ano, a festa de pentecostes traz uma novidade. Mais de 140 padres estarão em 40 pontos de atendimentos para que os fiéis possam confessar-se. “Isso é para dar as pessoas que, talvez, não vão à igreja, a oportunidade de se confessar. Isso também é misericórdia”, afirmou.

De acordo com o padre Charles Cunha, o tema escolhido para a celebração transmite duas ideias fortes que sintetizam acontecimentos da vida Eclesial que vão de encontro com a vida das pessoas da sociedade. “Fonte de Vida faz referencia à Campanha da fraternidade deste ano que trata o0 problema do saneamento básico nas zonas urbanas e rurais”, disse.

Já a Misericórdia, segundo ele, é uma necessidade que está em falta. “O assunto misericórdia é tão sério que o papa decretou que esse seja o ano da misericórdia”, salientou.

Corpus Christi

No dia 26 de maio, a comunidade católica também comemora a Festa de Corpus Christi com o tema “Eucaristia: Fonte de Misericórdia” O evento acontecerá na Praça Antônio Bittencourt, às 16h, e são esperados 70 mil fieis.
De acordo com padre Charles a celebração terá grandes momentos. A missa na praça do congresso, às 16h; depois a procissão e, por fim a adoração solene e benção do Santíssimo Sacramento, no Santuário de Nossa Senhora de Fátima.

Por Asafe Augusto

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir