Sem categoria

Feriadão aumenta o movimento nas saídas de Manaus

Uma das saídas mais procuradas foi o foto da Ceasa - foto: Asafe Aaugusto

Uma das saídas mais procuradas foi o foto da Ceasa – foto: Asafe Augusto

O feriadão, iniciado nesta sexta-feira (20) com o Dia da Consciência Negra, começou em Manaus com movimento intenso nas saídas da capital em direção aos municípios do interior acessados por meio de estadas. Mesmo assim, a movimentação foi menor que de veículos estava menor que o esperado.

Um dos locais mais movimentados foi o porto da Ceasa, no Distrito Industrial, Zona Sul da cidade, com muitos carros a espera das balsas que atravessam para o outro lado da BR-319. Logo cedo, a fila alcançou até o posto da Polícia Rodoviária Federal. Ao todo, sete balsas estão operando a travessia desde as 4h, segundo a Sociedade de Navegação, Portos e Hidrovias (SNPH).

Na

A rodoviária também estava movimentada

Também na rodoviária da capital, Zona Centro-Sul, o movimento foi grande durante toda a manhã. Segundo estimativas Agência Reguladora dos Serviços Públicos Concedidos no Amazonas (Arsam), mais de 20 mil pessoas sairão da capital utilizando ônibus regulares ou outros veículos fretados em direção aos municípios da região metropolitana de Manaus durante o feriado prolongado.

Por conta disse, o órgão irá intensificou a fiscalização de transportes rodoviários intermunicipais de passageiros em diversos pontos da cidade.

De acordo com a Polícia Militar, das 6h às 10h, cerca de 200 carros passaram pela ponte Rio Negro, na Zona Oeste, para a rodovia AM-70, que leva a municípios como Iranduba e Manacapuru. Já a Arsam contabilizou até esse horário seis carros fretados e 11 ônibus. Movimento considerado fraco em relação ao feriado anterior.

O movimento na Ponte Rio Negro foi menor que o esperado logo no início da manhã - fotos: Asafe Augusto

O movimento na Ponte Rio Negro foi menor que o esperado logo no início da manhã

De acordo com o presidente da Arsam, Fábio Augusto Alho, nesse feriado foram emitidas 500 autorizações de fretamento, que incluem micro ônibus e ônibus.

Por equipe EM TEMPO Online

Colaborou Asafe Augusto

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir