Economia

Faturamento do PIM tem queda de 8,42% em 2015

Ainda em relação aos subsetores, aqueles que apresentaram maior variação positiva - foto: divulgação

Ainda em relação aos subsetores, aqueles que apresentaram maior variação positiva – foto: divulgação

O faturamento do Polo Industrial de Manaus (PIM) alcançou R$ 37,8 bilhões (US$ 12.7 bilhões) no primeiro semestre do ano, o que representa um recuo de 8,42% em real e 28,85% em dólar na comparação com mesmo período de 2014, quando o faturamento registrado foi de R$ 41,3 bilhões (US$ 17.9 bilhões).

Os dados apurados pela Superintendência da Zona Franca de Manaus (Suframa) foram compilados a partir de informações repassadas à autarquia pelas empresas incentivadas do parque fabril manauense e compõem os Indicadores de desempenho do PIM.

Dentre os subsetores de atividades do parque industrial de Manaus, o segmento eletroeletrônico segue com a maior fatia de faturamento do PIM, com 29,5% do total. Em seguida aparecem os polos de duas rodas (17,88%), bens de informática (16,57%), químico (13,16%), metalúrgico (4,83%) e mecânico (4,44%). Outros segmentos, juntos, acumulam 12,48% do total faturado no polo.

Ainda em relação aos subsetores, aqueles que apresentaram maior variação positiva – em moeda nacional – quando comparado aos primeiros seis meses do ano passado foram o naval (86,61%), vestuário e calçados (18,61%), bens de informática do polo mecânico (18,15%) e ótico (13,77%). Em moeda americana, o único que apresentou crescimento foi o setor naval (43%).

Destaques

Com acréscimo de produção, quando se compara com os meses de janeiro a junho do ano passado, alguns produtos fabricados pelas empresas locais se destacaram. Dentre os principais estão o home theater (107,17%), discos blu-ray (87,51%), condicionador de ar de janela (33,32%), aparelhos reprodutores de áudio MP3/MP4 portáteis (31,52%), gravador e reprodutor de DVD e Blu-Ray (29,57%), condicionador de ar split (23,33%) e bicicletas, inclusive elétricas (14,78%).

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir