Esportes

Fast vence Holanda por 3 a 1 e dispara ainda mais no Campeonato Amazonense Junior

Favorito e até então imbatível na disputa, o atual campeão amazonense não teve dificuldades em abrir o placar – foto: divulgação

Favorito e até então imbatível na disputa, o atual campeão amazonense não teve dificuldades em abrir o placar – foto: divulgação

Com 13 jogos disputados e apenas dois empates, o Fast atingiu a marca de 11 vitórias ao vencer o Holanda por 3 a 1, na tarde desta quinta-feira (2), no estádio Carlos Zamith, em partida válida pela quarta rodada da segunda fase do Campeonato Amazonense Junior. O certame recebe apoio do governo do Amazonas, via Secretaria de Estado de Juventude, Esporte e Lazer (Sejel).

Werley e Jackie Chan (2) – que chegou aos 12 gols no campeonato – marcaram para o Tricolor. Vinicius fez o gol de honra para a ‘Laranja’. O resultado fez o Fast disparar ainda mais na competição com 33 pontos ganhos. O Holanda continua na sexta posição com 18.

Favorito e até então imbatível na disputa, o atual campeão amazonense não teve dificuldades em abrir o placar. Tanto é que, aos 30 segundo de jogo, Jackie Chan empurrou para gol depois de aproveitar a arrancada e o cruzamento do volante Ricardo, e fez 1 a 0. O gol ainda cedo não fez o ritmo do “Tricolor” diminuir, que ainda teve oportunidades desperdiçadas.

Na segunda etapa, o placar não demorou a mudar. Aos dois minutos, Werley de cabeça marcou o segundo do Fast. Vinte minutos depois, o Holanda ainda diminuiu com Vinícius, depois de uma bobeada da zaga adversária. E o placar ficou, até ali, em 2 a 1. A vitória do Fast foi consolidada aos 30 minutos, em cobrança de falta de Jackie Chan, que chegou a consolidar a artilharia da competição com 12 gols.

“Só tenho a agradecer a Deus. Nosso time está trabalhando bem. Estamos assimilando os trabalhos e a diretoria nos dar boas condições de trabalho. Acho que a artilharia vem com o resultado do trabalhos”, declarou Jackie.

Dois gols rápidos
De acordo com o meia Vinicius, autor do gol do Holanda, a equipe foi atrapalhada pelos dois gols tomados no início de cada etapa. “Infelizmente nosso time não estava numa tarde inspirada e pegamos dois gols muito rápidos no primeiro e segundo tempo. Mas não tem nada perdido, tem mais dois jogos e agora é trabalhar e consertar o que erramos”, analisou o autor do gol.

Leão de Itacoatiara leva a melhor
No duelo dos Leões amazonenses no estádio Floro Mendonça, em Itacoatiara (a 270 quilômetros de Manaus), quem se deu melhor foi o Leão de Velha Serpa. Num jogo acirrado, o Penarol venceu o Nacional por 3 a 2.
Com informações da assessoria

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir